Arquivos

Posts Tagged ‘lançamento da renault’

Renault terá versão do Logan expression 1.6 com câmbio automático

A Renault veiculou na mídia, ontem, sexta-feira dia 12, que irá colocar na linha 2012 do Logan uma novidade. Trat-se do câmbio automático de 4 velocidades. Ele será oferecido apenas na versão Expression e com preço sugerido a partir de R$ 41.950 (garantia de 3 anos), o sedã traz motor 1.6 16V Hi-Flex que desenvolve até 112 cavalos de potência a 5.750 rpm e torque de 15,5 mkgf a 3.750 rpm, quando abastecido com álcool.

O Logan deve usar a mesma  transmissão de quatro velocidades com opção de trocas manuais pela alavanca introduzida pela montadora francesa no Sandero, no início de julho. Em termos de desempenho, o Logan com caixa automática acelera de 0 a 100 km/h em 11,7 s e atinge a velocidade de 171 km/h.

Por ser a versão topo de linha do Logan, a Expression com câmbio automático vem de fábrica com ar-condicionado, direção hidráulica, computador de bordo, faróis de neblina, travas e vidros elétricos. Entre os opcionais são oferecidas rodas de liga leve de 15 polegadas; Pack Segurança (freios com ABS, airbag duplo, terceiro apoio de cabeça traseiro e volante com revestimento em couro); e Pack Conforto 2 (rádio CD player integrado ao painel com comando satélite, vidros elétricos traseiros, retrovisores elétricos e alarme).

O Logan é oferecido também nas configurações Authentique e Expression, ambas com motor 1.0 16V Hi-Flex, e Expression com câmbio manual de cinco velocidades, motor 1.6 8V Hi-Torque e mesma lista de itens de série da automática (R$ 38.450).

Linha 2012 do Logan traz poucas mudanças, mas todas relacionadas ao Sandero

Por fora, o Logan 2012 mudou muito pouco. Na traseira, a identificação do modelo foi repassada para o centro do porta-malas, seguindo, de acordo com a Renault, a nova identidade visual da marca já adotada nos modelos Grand Tour, Symbol, Novo Sandero e Fluence. O leque de cores também ganhou a opção Bege Poivre, totalizando oito tonalidades.

Internamente, o painel herdou o design e os materiais adotados no novo Sandero. Destaque para o novo rádio com CD player (MP3, WMA e WMV) com duas entradas auxiliares, os comandos redesenhados do ar-condicionado e os detalhes em aço inox nas saídas de ar e dos puxadores das portas.

 

Novo Laguna da Renault será apresentado no Salão de Paris 2010

setembro 7, 2010 Deixe um comentário

A Renault mostrou este final de semana passado as primeiras imagens oficiais de seu modelo Laguna que passou por um pequeno facelift. Sua apresentação oficial está marcada para o Salão Automóvel de Paris 2010 que começa dia 30 de setembro.

A versão renovada do modelo, conta com grade frontal redesenhada que resulta num visual mais agressivo e arrojado, mas nem de perto lembra os modelos mais antigos que passaram até pelo Brasil.

O sistema 4Control de quatro rodas direcionais passa a estar disponível nas motorizações dCi 130 e dCi 150. Destaque, também, para o fato do motor dCi 110 apresentar emissões reduzidas de CO2 de 120g/km.

O novo Renault Laguna estará à venda a partir de Novembro no mercado europeu, por aqui nenhuma novidade como sempre…

Este slideshow necessita de JavaScript.

Veja outras matérias interessantes do Blog Contagiros em:

Renault apresenta primeiras imagens do protótipo elétrico, Dezir. Modelo será visto no Salão de Paris 2010

A Renault mostrou as primeiras imagens de um novo protótipo elétrico, chamado DeZir. Trata-se do primeiro projeto assinado pelo novo chefe de design da marca, Laurens van den Acker, e fornece uma amostra das linhas dos futuros modelos da marca do losango.

O seu motor será elétrico montado em posição central traseira, alimentado por uma bateria de ions de lítio com uma capacidade de 24 kw. A base deste bloco é a mesma dos futuros carros  elétricos da Renault, que permite atingir uma potência de 150 cv e um binário máximo de 226 Nm. O construtor anuncia uma autonomia de 160 quilómetros.

O sistema carregamento da bateria possibilita três modos de recarga: modo padrão através de uma tomada doméstica (carga completa em 8 horas), modo rápido, através de uma tomada trifásica de 400 V (recarga de 80% em 20 minutos) e troca de baterias, com o sistema Quickdrop da Renault.

O estudo elétrico beneficia, também, de um sistema de recuperação de energia cinética, idêntico ao usado na Fórmula 1.

Infelizmente dados como preço ou mesmo velocidade atingida não foram fornecidos ainda.

A primeira aparição pública do Renault DeZir está marcada para Outubro, no Salão de Paris de 2010.

Este slideshow necessita de JavaScript.


Essa e outras matérias você pode seguir pelo twitter

Megane RS chega ao mercado europeu em Janeiro

dezembro 26, 2009 Deixe um comentário


A versão do Megane RS chega ao mercado europeu no mês de  Janeiro. A nova geração do Mégane RS vai contar com um motor 2.0 Turbo com uma potência máxima de 250 cavalos, para dar início a um novo capítulo na história dos esportivos saídos das oficinas da Renault Sport Technologies.

Os 250 cavalos (mais vinte cavalos que o antecessor) disponíveis às 5.500 rpm e os 340 Nm de binário máximo são transmitidos em exclusivo às rodas dianteiras por intermédio de um câmbio manual de seis marchas. A aceleração dos 0 aos 100 km/h é de a em 6,1 segundos, enquanto os 1000 metros são «feitos» em apenas 25,7 segundos. A marca francesa anuncia também uma velocidade máxima de 250 km/h e um consumo em 12 km por litro

Em Portugal, o Mégane RS estará disponível na variante Cup, mais esportiva, equipada, de série, com um diferencial autoblocante e com uma suspensão dotada de molas mais duras (35 % à frente e 38% atrás), bem como com um eixo traseiro mais resistente à torção. Além disto, conta ainda com discos de travão com rasgos e pinças de travão Brembo vermelhas.

A  Renault equipou o Mégane RS com  controle de estabilidade (ESP) com três modos de funcionamento: Normal, Sport, e Off; e o sistema RS Monitor, uma espécie de telemetria que regista e exibe várias informações no painel de instrumentos, desde os tempos por volta num circuito até às acelerações G laterais e longitudinais, apenas para mencionar algumas das disponíveis.

Por fora, a versão mais muscle car  do Mégane distingue-se pelos pára-choques mais agressivos, a inclusão de díodos LED nos grupos ópticos dianteiros, bem como as aplicações em cromado no para choque frontal. O aileron traseiro, rodas gigantes e a ponteira de escape colocada no centro do pára-choques traseiro completam o pacote estético do Mégane RS.

No interior, destaque para os bancos desportivos Recaro, as aplicações em cromado e o painel de instrumentos exclusivo.

O início da comercialização está previsto para o próximo mês de Janeiro, com um preço referência de 36.650 euros.

Essa e outras matérias você pode seguir pelo twitter

Renault mostra como ficará o Novo Logan 2011 reestilizado

dezembro 24, 2009 1 comentário

Imagem de como ficaria o Novo Logan no final de 2010

Além do utilitário esportivo Duster, a Renault do Brasil vai investir o R$ 1 bilhão anunciados na reestilização do sedã Logan. As mudanças vão aparecer na metade de 2010, quando o carro ficará igual ao da foto acima, divulgada pela Renault da Rússia. Faróis, lanternas, para-choques, grade e tampa traseiras receberão novo visual, deixando o carro com aspecto um pouco mais moderno.

Por dentro serão usados alguns detalhes do Sandero, como o console central e apliques de alumínio nas versões mais equipadas. Com isso, a marca francesa pretende dar um novo impulso nas vendas do modelo no mercado nacional, ainda apostando na relação custo-benefício. Dentro dos próximos dias deverão ser divulgadas novas imagens do carro.

Na minha opinião, mesmo com estes retoques o carro ainda continua com aspecto de antigo, ou como diria um internauta mais antenado, um Lada melhorado. O mais moderninho Symbol, ainda não decolou, quem sabe pela frente horrorosa… se fosse menos rebuscada e coim linhas mais suaves talvez fosse uma opção ao Logan, já que o valor é bem mais alto. O problema é que nesta suposta reestilização a frente do Logan vai ficar parecida com a do Symbol.

Sugestão para a Renault: Traga urgente o novo Clio…

Essa e outras matérias você pode seguir pelo twitter

Renault apresenta o Novo Twingo Gordini RS

novembro 25, 2009 1 comentário


A marca Renault apresentou esta manhã, em Paris, o novo Twingo Gordini Rs, modelo inspirado na marca Gordini, que terá a tradicional decoração azul e branca.

O automóvel, que será lançado no mercado Europeu, em Fevereiro, terá um motor 1.6 atmosférico de 133 cv (o mesmo da versão RS), podendo ser também preparado com a opção chassis «Cups», com tapetes específicos Gordini e um fole personalizado na alavanca da caixa de velocidades.


A pintura da lataria foi feita com a cor Malte Blue metalizado e duas listas brancas longitudinais, como é tradicional, o Twingo Gordini RS apresentará pára-choques «engrossados» com alguns apontamentos a negro, enquanto as molduras dos faróis, as caixas dos retrovisores exteriores e o spoiller dianteiro inferior contrastarão com acabamentos em  branco.

O aspecto exterior é completado por rodas de 17 polegadas de alumínio que poderão ter acabamentos a azul ou diamantadas, conforme a escolha do freguês…

No interior, o automóvel será dotado de bancos desportivos Renault Sport com acabamentos em couro com o símbolo Gordini. As portas serão revestidas a azul e terão as costuras visíveis para criar um ambiente desportivo mais vincado, bem como o volante, que terá também duas listas brancas a indicar o centro, a alavanca da caixa e instrumentos e a consola central, de revestimento específico.

O símbolo «Gordini Series», utilizado pelo Renault  é relativo à herança desportiva legada pela Gordini Cup, onde todas as sessões de qualificação eram de série.

Essa e outras matérias você pode seguir pelo twitter

Renault Mundial lança twingo rip curl e no Brasil quer aumentar sua participação

julho 20, 2009 2 comentários
Renault Twingo para os surfistas de plantão

Renault Twingo para os surfistas de plantão

A Renault anunciou um exclusiva serie de seu compacto Twingo para a Europa, em parceira com a empresa de grife surfista Rip Curl, denominada Twingo by Rip Curl.

A serie utilizará como base o Twingo Dynamique, e externamente contara com itens exclusivos com o logotipo da Rip Curl nos acabamentos dos faróis de neblina, no vigia dos vidros traseiros e na tampa do porta malas traseiro.

Por dentro o compacto hatch ganhou bancos personalizados, além de as soleiras das portas receberem também o logotipo Rip Curl. Os comandos do ar condicionado e a moldura do painel de velocímetro receberam uma pintura especial em vermelho metálico além dos forros da portas, que foram personalizados.

Meta de crescimento quase que triplicaria participação no mercado

Meta de crescimento quase que triplicaria participação no mercado

A Renault trabalha na definição de um carro popular para produção no Brasil. Quem sabe uma mistura de de twingo com sandero, para aumentar para 10% a participação da marca nas vendas domésticas. A empresa teve 4,27% de participação nas vendas de automóveis no primeiro semestre.

O pequeno Clio emplacou 6.277 unidades no período, mas o líder de vendas foi o Sandero, com 20.690 unidades. Foram vendidas 12.803 unidades do Logan, 2.433 do Mégane, 1.216 do Mégane SW GT, 1.064 do Kangoo e 1.651 do Scénic.

A iniciativa já foi admitida por Carlos Ghosn, presidente mundial da Renault Nissan. “Temos que oferecer um carro pequeno e barato” – disse, lembrando que a estratégia já foi levada adiante no mercado chinês. Ele dá uma pista do caminho a ser seguido: “o país precisa de mais modelos flex, incluindo 4×4 e sedãs. “

O executivo prepara um novo pacote de ações para a região, já que os compromissos assumidos pela Renault para o lançamento de novos modelos foi cumprido. O Brasil deve ter papel central nos novos programas, já que a marca acredita em um bom desempenho do mercado doméstico nos próximos anos.

Ghosn admite que a boa performance da indústria automobilística brasileira deve-se ao incentivo do governo com a redução do IPI e ao ressurgimento do crédito no varejo. Ele não descarta um aumento da presença do grupo no Brasil por meio de novas parcerias.

O CEO da aliança Renault Nissan não revela muito otimismo em relação à recuperação da indústria automobilística. Para ele, 2010 pode apenas repetir o desempenho global de 2009. A recuperação viria em 2011 ou 2012.

Fontes: Estadão, Globo.com e Automotive Business.

Essa e outras matérias você pode seguir pelo twitter

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 25 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: