Arquivo

Archive for the ‘Carros Station Wagon’ Category

Hyundai mostra no Salão de Genebra 2012 versão da nova geração do i30 SW

fevereiro 27, 2012 Deixe um comentário

O Salão de Genebra 2012 deverá ter uma concorrente forte da GM Cruze SW.

A segunda geração do Hyundai i30 SW, versão perua do hatchback coreano, será apresentada entre 8 e 18 de março. O modelo é construído sobre a plataforma do compacto e utiliza ainda os mesmos motores: três a gasolina e três a diesel. As potências destes propulsores ficarão entre 90 cv e 135 cv.

Entre as opções estão um 1.4 de 100 cv e o 1.6 GDI de 135 cv, ambos a gasolina, e os diesel CRDI de 1,4 e 1,6 litros com 110 e 128 cv, respectivamente.

O design, belíssimo, diga-se de passagem e no estilo fluido da versão hatch, terá as lanternas também bem grandes, invadindo lateral e tampa do porta-malas e agora se encontram em posição horizontal.

Desenvolvida desta vez pensando especificamente em consumidores europeus no centro de pesquisa de Rüsselsheim, Alemanha, a peruateve seu comprimento total chegando a 4,48 m (18,5 cm maior que a antiga geração) e ele ainda oferece bom espaço para os ocupantes. Caso a segunda fileira de bancos seja rebatida a capacidade do porta-malas salta para 1.642 litros.

Acompanhe o ContaGiros nas Redes Sociais:
 

GM deve levar modelo Cruze SW para o Salão de Genebra 2012

fevereiro 10, 2012 1 comentário

Mais um modelo SW deve chegar em breve ao mercado. A GM distribui as primeiras imagens do modelo Cruze SW ontem e pelo que se pode ver a montadora mandou bem no layout e nos detalhes. O Cruze SW poderá ser visto em breve no stand da marca durante o Salão de Genebra 2012 , que ocorre de 8 a 18 de março na Suíça.

O modelo segue a risca os traços do sucesso exibidos pelo Cruze sedã. Já tínhamos publicado aqui algumas imagens do modelo antes do lançamento oficial da versão sedã – clique aqui. Só não podíamos prever que o modelo demoraria tanto tempo para chegar ao mercado, já que as fotos são de 2009, ou seja, lá se vão quase 3 anos..

O modelo que será exibido durante o salão de genebra 2012, tem porta-malas gigante com capacidade entre 500 e 1.500 litros, dependendo da posição do banco traseiro. Nas dimensões o cruze SW não é muito maior que a versão sedã, mede 4,67 metros, 7 centímetros maior apenas.

No quesito motorização, o modelo terá um novo motor 1.7 litros VCDi com 130 CV e sistema stop/start de série. Por incrível que pareça deverá 120 gr/km de CO2. Terá também motorização 2.0 VCDi,  1.6 e 1.8 litros a gasolina.

Não se sabe, ou melhor, pouco se sabe se efetivamente o carro seja vendido por aqui, o que se especula é que demoraria, pois a venda de um modelo como este rivalizaria com os próximos lançamentos da GM na faixa de meriva e Zafira ( seria o Orlando?)

As vendas deste tipo de modelo no país são mais restritas e hoje o volume de opções SW tem opções, mas eles tem pouco representatividade. Um carro que fez um relativo sucesso por aqui foi a Fielder da Toyota e particularmente a considero um dos modelos mais bonitos até hoje, junto com a Variant da VW ( o modelo mais recente).

De qualquer forma vamos torcer para que ele um dia chegue por aqui.

Acompanhe o ContaGiros nas Redes Sociais:


 

Peugeot mostrou esta semana primeira fotos do 508 RXH Híbrido que estará no Salão de Frankfurt 2011

A Peugeot prepara as novidades para o ano que vêm e revelou ontem segunda-feira (11) as primeiras informações do modelo híbrido 508 RXH, uma das atrações da marca de origem francesa no Salão do Automóvel de Frankfurt 2011 , na Alemanha, entre os dias 15 e 25 de setembro, e que chegará às concessionárias europeias no final do primeiro semestre de 2012.

O veículo é equipado com sistema 2.0 l HDi FAP HYbrid4 – mescla um propulsor diesel com outro elétrico – que desenvolve 202 cavalos de potência e 45,8 mkgf de torque máximo. Com ajuda do motor elétrico, o nível de consumo do 508 RXH, segundo dados da Peugeot, é de 23,8 km/l e o índice de emissões fica em 109 g/km de CO2.

Além da tecnologia sob a carroceria, o novo Peugeot apresenta design “invocado”. Destaque para as luzes auxiliares em LEDs, que tentam transmitir a impressão de dentes de um leão, e para as rodas de liga leve de 18 polegadas. As caixas de rodas trazem apliques plásticos, parecidos com os utilizados nos veículos “aventureiros” comercializados no Brasil.


Internamente, a station wagon entrega teto panorâmico e sistema de navegação, entre outros itens de requinte.

Preço da Iguaria só em setembro mesmo, mas podemos esperar por mais de 40 mil euros.


Nova S18 da Chery é flagrada em São José dos Campos com características idênticas ao modelo X1 vendido na China

Uma mistura de Eco sport, Idea, Tiggo crescido  e outros. Pelo menos é o que parece ao vermos o modelo S18 da Chery exibido hoje no site da Auto Esporte.

A Chery, uma das primeiras marcas chinesas a fincar bandeira no Brasil, se prepara para mais um lançamento. Essa novidade será será o modelo S18, flagrado pelo  internauta Clayton Guimarães em São José dos Campos (SP), com placas verdes de teste da cidade de Salto (SP), onde fica a sede da marca chinesa no Brasil enquanto a fábrica em Jacareí (SP)não fica pronta. O S18 foi mostrado no Salão do Automóvel, em outubro do ano passado, e deverá chegar às lojas no fim do ano com motor 1.3 de 83 cavalos.

O carro é um compacto com apelo fora de estrada. “O interior demonstra a busca da Chery por uma identidade própria, com direito a ousadias na disposição dos itens do painel de instrumentos e nos botões”, relatou o repórter Alberto Cataldi da revista Auto esporte.

Com o mesmo motor do utilitário esportivo Tiggo, o S18 se mostrou um pouco mais ágil por ser mais leve. “O resultado é um compacto que responde bem nas acelerações e perde menos tempo nas retomadas. O que atrapalha a experiência é a falta de estabilidade, resultado direto da distância do solo. Fazer uma curva mais fechada não transmite segurança e as irregularidades do solo chegam à cabine com força”, concluiu Cataldi depois de ter dirigido o carro.

Por enquanto nem na matéria, nem na internet se fala de preço, mas com certeza ele ficará na faixa de uns R$42.000,00 no máximo, fazendo um comparativo com outros modelos da marca e de outras “novas orientais do mercado”


Fit Shuttle poderá ser o novo modelo de station wagon da Honda a ser lançado no Japão

janeiro 30, 2011 Deixe um comentário

Visto no site Carsale que exibiu imagens de um novo Honda Fit SW, que teve por usa vez imagens divulgadas também no site da revista britânica Auto Express, mostram que a montadora japonesa está prestes a lançar uma versão alongada do compacto Fit no Japão. A versão perua ou SW do monovolume também  foi flagrada  há uns dias pelo site Car Scoop. A imagens em formato de Folders Scaneados mostram linhas muito próximas às do Fit, porém com um terceiro volume bem definido – de perfil, o modelo está mais para uma station wagon que para uma minivan, como na versão convencional à venda no Brasil.

Ainda segundo a Auto Express, não há uma data prevista para a estreia do Fit perua.

Espera-se que o modelo chegue às concessionárias da Honda muito em breve. O nome não está confirmado, mas nas imagens o compacto é chamado de Fit Shuttle. Visualmente, o destaque é a terceira coluna verticalizada, num estilo muito próximo do DS3, a versão de luxo do Citroën C3 francês. A princípio, o Fit Shuttle usará os mesmos motores do Fit será restrito ao mercado japonês. Nos folders, há indicações do bloco 1.5 litro a gasolina e outro 1.3 litro associado a um elétrico na versão Híbrida.


Apesar de ser estranho pode até ser que venha para o Brasil nos próximos anos, até porque a briga de bastidores entre Fit, Livina e Idea tem sido grande. Quem sabe o modelo não venha brigar com a Livina Xgear?

Siga o Blog Contagiros no:

Volvo exibirá no Salão de Genebra 2011 a versão híbrida do modelo V60

janeiro 27, 2011 Deixe um comentário

Seguindo as tendências do mercado mundial e independentemente de ter sido adquirida por chineses a Volvo também terá lançamentos ecológicos no próximo grande Salão de Genebra 2011.

Trata-se do modelo Plug-n Hybrid do Volvo V60, que mesmo sem ter ainda a versão oficial definitiva na apresentação em Genebra deve chegar ao mercado no início do ano que vêm.

Chama a atençãoque o sistema do carro permitirá que o consumo de combustível chegue a incríveis 52,63 km/l e emissões de apenas 50g/km.

O sistema de propulsão híbrida, foi  desenvolvido em parceria com a também sueca Vattenfall. A transmissão é uma automática de seis velocidades. E o propulsor elétrico, alimentado por baterias de íon-lítio, pode ser recarregado em tomadas comuns.

A versão híbrida é equipada com o motor diesel D5 de 2,4 litros e 215 cavalos de potência que envia força para o eixo dianteiro, por meio de uma transmissão automática de seis velocidades, enquanto um motor elétrico de 70 cv empurra as rodas traseiras.

A montadora não divulgou dados de desempenho e fotos oficiais, mas espera-se leves mudanças na carroceria para melhorar a aerodinâmica e no painel de instrumentos para orientar o motorista sobre o sistema híbrido.

Siga o Blog Contagiros no:

Modelo 508 da Peugeot será lançado no mercado europeu em março de 2010

dezembro 15, 2010 1 comentário

O Peugeot  508, talvez um dos mais modelos mais bonitos e agradáveis da marca está chegando para ocupar o lugar do 407 mas também do 607, uma dupla tarefa que não será fácil mas que os argumentos apresentados pelo novo modelo podem facilitar. Aliado ao fato de que o modelo terá uma gama completa, estética moderna e os preços muito competitivos, pelo menos na Europa, já que o modelo começará a ser vendido por somente 28.700 euros.

Ele deu o ar da graça a alguns meses, mais precisamente no mês de Julho quando a montadora anunciou seu lançamento oficial para o Salão de Paris 2010

Na apresentação à imprensa nacional esta semana, vimos a enorme evolução do novo modelo familiar da marca francesa em termos design, tamanho, mas também em materiais e tecnologia. Esteticamente inspirado nos protótipos «5byPeugeot» e SR1, o 508 marca uma ruptura em termos de design com o passado. Exemplo disso é sua grade dianteira em forma de ”boca” exclusiva, que se torna “flutuante”, e faróis trabalhados na sua expressão visual, à imagem dos seus “leds” visíveis de dia e de noite.

Mais tradicionais e também mais consensuais são as linhas do 508 SW, que abandona o estilo arrojado da atual geração, para adotar linhas mais fluídas e elegantes.

O 508 é 10 centímetros mais comprido (4792mm) que o 407 e a sua distância entre eixos 9 centímetros mais longa, o que tem, naturalmente, reflexo no espaço para os ocupantes e bagageira, que varia entre os 545 litros (sedã de 4 portas) e os 660 litros (modelo station wagon). Um enorme aumento em relação ao 407 (mais 108 litros para sedã, mais 112 litros para o SW).

No interior, verifica-se um enorme salto qualitativo, com uma escolha cuidadosa de materiais, agora mais agradáveis ao toque, num modelo que adota soluções já conhecidas do seu “primo” C5 da Citroen como, entre outras, o volante multifunções, solução inédita na marca francesa.

A dotação tecnológica é outro dos argumentos do novo modelo.O  508 terá a seu favor faróis de xénon com luzes diurnas em LED, assistente automático, massageador lombar no banco do condutor ou «head-up display». Destaque ainda para o sistema de ignição que não precisa de chave, a regulagem do comprimento do assento dos bancos dianteiros, o ar condicionado automático quadrizona, e no modelo SW tampo do  bagageiro totalmente elétrico.

No que diz respeito a motorizações, o 508 da Peugeot estará dotado das mais recentes tecnologias, com o novo sistema e-HDi (Stop&Start de última geração) e, assim como a tecnologia HYbrid4, com um 2.0 HDi de 200 cv e quatro rodas motrizes… e apenas 99 g/km de CO2 (ou  zero gramas em modo exclusivamente elétrico).

A gama, para além do referido Hybrid4, incluirá ainda as motorizações 1.6 VTi de 120cv e THP de 156cv, ambos a gasolina, a estreia do novíssimo 2.2 HDi de 204cv com 450 Nm de binário máximo, assim como o revisto 1.6 HDi, agora com 112cv de potência.

Esta motorização estará disponível numa versão ecológica e-HDi, que acoplado a um câmbio de seis marchas, permite-lhe reduzir as emissões para 115 g/km numa primeira fase para, pouco depois, descer para os 109 g/km.

O Peugeot 508 chega ao mercado Europeu em Março, mas a Peugeot já anunciou alguns preços para o modelo. A gama está estruturada em quatro níveis de equipamento – Access, Active, Allure e o GT apenas disponível com o 2.2 HDi de 204cv -, com os preços a arrancarem nos 27.500 euros do 508 Access 1.6 VTI (SW custa 28.800 euros), passando pelos 28.700 euros do 1.6 HDI (30 mil para a SW) terminando nos 46.300 euros pelo GT 2.2 HDi de 204cv (48.400 euros para a SW).

Interessado em comprar um lá fora? Veja abaixo os preços divulgados pela montadora, válidos primeiro para o mercado Português:

Preços 508 sedã:

508 Access 1.6 VTi 120 CMP6 – 27.500 euros
508 Access 1.6 HDi 112 CVM5 – 28.700 euros
508 Access 1.6 e-HDi 112 CMP6 – 29.200 euros
508 Active 1.6 THP 156 CVM6 – 30.000 euros
508 Active 1.6 HDi 112 CVM5 – 29.700 euros
508 Active 1.6 e-HDi 112 CMP6 – 30.200 euros
508 Active 2.0 HDi 140 CVM6 – 33.200 euros
508 Allure 1.6 THP 156 CVM6 – 31.500 euros
508 Allure 1.6 THP 156 AM6 – 33.300 euros
508 Allure 1.6 e-HDi 112 CMP6 – 31.700 euros
508 Allure 2.0 HDi 140 CVM6 – 34.700 euros
508 Allure 2.0 HDi 163 AM6 – 39.700 euros
508 GT 2.2 HDi 204 AM6 – 46.300 euros

508 SW:

508 SW Access 1.6 VTi 120 CMP6 – 28.800 euros
508 SW Access 1.6 HDi 112 CVM5 – 30.000 euros
508 SW Access 1.6 e-HDi 112 CMP6 – 30.500 euros
508 SW Active 1.6 THP 156 CVM6 – 31.600 euros
508 SW Active 1.6 HDi 112 CVM5 – 31.300 euros
508 SW Active 1.6 e-HDi 112 CMP6 – 31.800 euros
508 SW Active 2.0 HDi 140 CVM6 – 34.800 euros
508 SW Allure 1.6 THP 156 CVM6 – 33.100 euros
508 SW Allure 1.6 THP 156 AM6 – 34.900 euros
508 SW Allure 1.6 e-HDi 112 CMP6 – 33.300 euros
508 SW Allure 2.0 HDi 140 CVM6 – 36.300 euros
508 SW Allure 2.0 HDi 163 AM6 – 41.300 euros
508 SW GT 2.2 HDi 204 AM6 – 48.400 euros

Siga o Blog Contagiros no:

%d blogueiros gostam disto: