Arquivo

Archive for the ‘Autos Carros Spyker’ Category

Chinesa Pang Da Automobile compra a Holandesa Spyker que agora passa a se chamar Swedish Automobile NV

Mais uma montadora européia agora é de vez Chinesa. Isso mesmo. A Spyker, montadora de superesportivos, anunciou hoje  segunda-feira (23) que passará a se chamar Swedish Automobile NV, assim que aprovada a parceria com o grupo chinês Pang Da Automobile. A decisão foi tomada durante assembleia geral com acionistas da marca de origem holandesa.

Victor Muller, diretor-presidente da Spyker, proprietária da Saab, informou ainda que a nova parceira chinesa efetuou, na última terça-feira (17), um depósito de 30 milhões de euros para ajudar a marca sueca a recolocar sua linha de montagem em Trollhättan (Suécia) novamente em funcionamento. A Saab não monta um veículo desde o fim de março, quando interrompeu a produção por falta de pagamento aos fornecedores.

O executivo também confirmou que a marca chinesa entrou com ação junto à Comissão Nacional de Desenvolvimento e Reforma (NDRC) do governo chinês para obtenção das licenças para investimento na Spyker e na Saab.

“Baseado em nossas discussões com Pang Da, estamos confiantes de que Pang Da receberá as aprovações regulamentares necessárias para formalizar o negócio”, disse Muller por meio de um comunicado. “Estou muito ansioso para a criação de uma empresa forte, com Pang Da, inicialmente, na distribuição e, posteriormente, na fabricação de veículos Saab na China”, completou.

CEO da Spyker - Victor Muller

Conheça um pouco da história da Spyker

Pouca gente ( ou quase ninguém no mundo ) sabe que a Spyker foi fundada originalmente em 1898 pelos irmãos Jacobus e Hendrick-Jan Spijker, dois pioneiros da história do automóvel. É uma marca que nunca quis sair de um certo anonimato, mesmo quando nos primeiros anos do século passado esteve na ribalta do vanguardismo tecnológico.

Em 1903, a marca fundada pelos irmãos Spikjer apresentou o 60/80 HP, um modelo que ficou para a história como sendo o primeiro carro do mundo  a ser equipado com um motor de seis cilindros e por ter estreado a utilização de quatro rodas motrizes, soluções que só vieram a ser comprovadas muito tempo depois.

Spyker 60/80 Hp, de 1903 foi o primeiro carro do mundo a ter 6 cilindros

Os Spijker eram verdadeiros visionários. Mas a sua empresa, talvez por estar afastada dos grandes centros  onde o automóvel evoluiu, nunca conseguiu garantir a imagem e o prestígio que se justificavam, tendo chegado mesmo a produzir excelentes motores que foram utilizados pelos primeiros aviões que surgiram durante a I Guerra Mundial e ao longo dos anos 20.

As vendas da Spyker nunca atingiram volumes que garantissem a sobrevivência da marca holandesa. Por isso, em 1925 fechou as portas, mas os holandeses nunca esqueceram a marca Spyker.

A memória perdurou ao longo de 75 anos. Em 2000, quando reapareceu no Salão de Birmingham, os holandeses ainda reconheciam o nome, apesar de o resto da Europa ter ficado surpreendido por um modelo que fazia a diferença ao nível do design.

A Spyker mostrou o C8 Spyder no certame britânico, um roadster original, equipado com um motor V8 de 4,2 litros da Audi montado em posição central, que veio a ser premiado pelo Institute of Vehicle Engineers Design. No ano seguinte, surgiu a versão coupé – o Laviollete. ( Ver fotos abaixo)



Aposta na competição
Para garantir a afirmação da marca e conseguir o reconhecimento dos seus modelos, a Spyker desenvolveu o Double 12 R, uma versão de competição que participou nas 24 Horas de Le Mans em 2002 e 2003. O trabalho desenvolvido em colaboração com a Mader permitiu realizar o Spyker C8 Double 12 S, um desportivo de performances ainda mais elevadas, destinado a uma utilização em estrada.


Com estes modelos, a Spyker passou a contar com uma gama. A marca estava lançada. Em 2004 passou a ser cotada na bolsa de Amesterdão, e no ano seguinte garantiu a homologação do C8 nos Estados Unidos, o que lhe abriu um novo e importante mercado.

A conquista de um mercado tão importante permitiu dilatar a oferta de uma marca que centrava as suas vendas no C8 com um motor 4.2 V8, com uma potência de 405 cv e 480 Nm na versão atmosférica, ou o biturbo de 456 cv e 530 Nm. Por isso, no Salão de Genebra 2005 foi apresentado um novo modelo, o C12 La Turbie, equipado com um motor Audi W12 de 6.0 litros, com 405 cv na sua versão atmosférica e 630 cv na opção sobrealimentada. Qualquer das versões conta com caixas de velocidades Gertrag com comando manual ou sequencial. – Ver foto abaixo

Construção artesanal
Uma produção muito reduzida permite que cada Spyker seja um modelo diferente e exclusivo. Na origem está um châssis em alumínio de peso reduzido e uma grande rigidez estrutural, um metal que também é utilizado em vários painéis da carroçaria, produzidos na Alemanha pela Karmann e em Inglaterra pela Coventry Prototype Panels.

Lançada o ano passado a nova safra do C8 chamada agora de Aileron

Essa e outras matérias você pode seguir pelo twitter

Cinco carros esportivos entre os mais caros do mundo estarão expostos no Salão do Automóvel 2010

outubro 9, 2010 2 comentários

 

Foto do Pagani Zonda R - um dos carros mais caros do mundo terá em breve a companhia do C9, mas só em 2011

 

A importadora Platinuss irá exibir no Salão do Automóvel 2010 , entre 27 de outubro e 7 de novembro, em São Paulo, cinco carros superesportivos cujos valores, somados, equivalem a 630 carros nacionais de pequeno porte.

 

Spyker C8 Aileron

 

Estarão expostos no estande da Platinuss um Koenigsegg CCXR E-100 de 1.100 cavalos (R$ 6 milhões), um Pagani Zonda R exclusivo para pista (R$ 10 milhões) que terá apenas 10 unidades fabricadas,inclusive mostrado no blog em janeiro deste ano, e  todas com motor Mercedes-Benz de 750 cavalos, potência para acelerar de 0 a 100 km/h em 3,2 segundos e atingir 396 km/h. Haverá também um Spyker C8 Aileron (entre R$ 990 mil e R$ 1,2 milhão) e dois superesportivos brasileiros Rossin-Bertin, que custarão R$ 700 mil cada.

 

koenigsegg-ccxr-e-100 - PRECISA FALAR ALGUMA COISA?

 

Spyker é a versão conversível do coupé C8 Aileron: o C8 Aileron Spyder que é, tal como o modelo que lhe serve de base, um símbolo da última tecnologia aeronáutica, nomeadamente no que diz respeito à estética e à aerodinâmica. O teto do carro é em lona e o sistema de abertura da capota é semi-automático e demora cerca de 20 segundos a abrir e a fechar.

O motor é um Audi V8 de 4,2 litros, capaz de debitar 405 cv de potência e 480 N.m de binário. Está acoplado a uma caixa manual de seis velocidades e, opcionalmente, estará disponível uma automática com o mesmo número de relações, produzida pela ZF. O Spyker C8 Aileron Spyder acelera dos 0 aos 100 km/h em apenas 4,5 segundos e consegue atingir os 300 km/h de velocidade máxima.

A apresentação dos carrões para a imprensa contará com a presença de Natalino Bertin Junior, presidente da Platinuss, Christian Von Koenigsegg, presidente da Koenigsegg, Carsten Preisz, vice-presidente da Spyker e Fharys Rossin, o fundador e designer chefe da Rossin-Bertin Automotiva.

Veja outras matérias interessantes do Blog Contagiros em:

Veja as 30 marcas internanacionais que estarão presentes no Salão do Automóvel 2010

setembro 22, 2010 Deixe um comentário

Acho justo dar crédito a certas matérias e como a tabela de lançamento de carros do Salão do Automóvel 2010 do site da auto esporte foi uma das mais completas que encontrei na web, decidimos reproduzí-la na íntegra.

Ela foi exibida na semana passada quando a Associação Brasileira das Empresas Importadoras de Veículos Automotores (Abeiva) divulgou os modelos das 30 marcas associadas que estarão presentes no Salão do Automóvel de São Paulo.

Lembrando que a maior feira automotiva da América Latina abre as portas ao público a partir do dia 27 de outubro.

As associadas à entidade expõem mais de 210 veículos no evento, dos quais 70 são lançamentos.Entre as principais confirmações estão o Aston Martin Rapide, a Ferrari 599 GTO, o Porsche Panamera V6 e o Maserati Award Limited Edition. As fabricantes chinesas também serão destaque este ano, com a estreia das novas marcas JAC Motors e Haima. Os modelos desta última devem começar a ser vendidos no mercado brasileiro em março de 2011.

Confira a lista dos modelos confirmados (em ordem alfabética pelas marcas), lembrando que esta lista demonstra apenas os importados:

Aston Martin Rapide V12
Aston Martin Rapide V12 (Foto: Divulgação)
Aston Martin

A grande estrela da marca no salão será o Rapide, o primeiro cupê quatro portas equipado com o motor V12 6.0 de 477 cavalos de potência que já equipa o DB9. O preço sugerido será de R$ 950 mil. No estande estarão presentes também o Vantage V8, DB9 V12 e DBS V12, todos já à venda no Brasil.

Audi A8
Audi A8 (Foto: Divulgação)
Audi

A fabricante alemã trará para a feira o A1, compacto que mira o mercado do Mini Cooper, o  superesportivo R8 Syder, o RS5 e o A8, o sedã de luxo da marca que começa a ser vendido em outubro. Os preços não foram revelados, mas a estimativa é que o A8 custe em torno de R$ 500 mil.

BMW X3 XDrive 35i
BMW X3 XDrive 35i (Foto: Divulgação)
BMW

A marca bavária afirmou que trará o  Active Hybrid 7 e a nova geração do SUV médio X3, que está mais de 8 cm mais comprido, 1,2 cm mais alto e 2,8 cm mais largo do que a geração atual. No Brasil será oferecida a versão XDrive 35i, com motor 3.0 a gasolina de 304 cv de potência máxima e 41 kgfm de força.

Benni Mini
Benni Mini (Foto: Divulgação)
Chana

A chinesa confirmou a estreia do Benne Mini, Alsvin (nas versões hatch e sedan) e a minivan Star. O destaque será a versão compacta do Benne que tem 3,52 m de comprimento e é equipado com motor a gasolina 1.0 de 51 cv. O preço estimado é de R$ 29 mil e inclui ar-condicionado, duplo airbag, vidro e travas elétricas e freios ABS, rádio CD Player e MP3.

Chery QQ
Chery QQ (Foto: Divulgação)
Chery

A também chinesa Chery, que já vende três modelos no Brasil, apresentará no salão o SUV Tiggo automático, Cielo hatch mecânico, Cielo sedan 1.8 automático, S18, S18D, A13A nas versões hatch e sedan e o subcompacto QQ, que mira o mercado do Mille, Ka e Celta e será oferecido por cerca de R$ 20 mil.

Jeep Grand Cherokee 2011
Jeep Grand Cherokee 2011 (Foto: Divulgação)
Chrysler

A linha 2011 do Jeep Grand Cherokee será o destaque no estande da marca norte-americana. O modelo será oferecido no país nas versões Laredo e Limited, ambas equipadas com o novo motor V6 3.6 de 280 cavalos e 35,4 kgfm de torque. Os preços partem de R$ 170 mil. Depois está prevista a estreia do modelo V8 5.7 de 356 cv.

Effa M100 linha 2010
Effa M100 linha 2010 (Foto: Divulgação)
Effa Changhe

A dona do M100 exibirá no evento a linha 2010 do hatch chinês, que agora é fabricado pela Suzuki. O compacto ganhará novos equipamentos de série, como direção elétrica, e terá o preço reajustado. Outra novidade é a picape média Plutos, também feita em parceria com a fabricante japonesa.

Ferrari 599 GTO
Ferrari 599 GTO (Foto: Divulgação)
Ferrari

A fabricante italiana confirmou a presença das suas duas novas “macchinas” no salão. A Ferrari 458 Italia foi apresentada em abril deste ano no Brasil, mas as vendas ainda não começaram. Já o 599 GTO, o carro de rua mais rápido da Ferrari, será visto pela primeira vez no país. A novidade tem 670 cv, acelera de 0 a 100 km/h em apenas 3,35 segundos e chega a velocidade máxima de 335 km/h.

Haima M2
Haima M2 (Foto: Divulgação)
Haima

A Districar, que importa os veículos da sul-coreana SsangYong e da chinesa Chana, passa a representar no Brasil a também chinesa Haima que terá inicialmente quatro modelos por aqui: o Haima 2 (M2), hatch com motores 1.3 e 1.5 e transmissão automática, o Haima 3 nas versões sedã e hatchback com motores 1.6 e 1.8 litro, o sedã Family 1.6 e o SUV S7 com motor 2.0.

Hatch JAC J3
Hatch JAC J3 (Foto: Divulgação)
JAC Motors

A Jianghuai Automobile Co., ou JAC Motors, é mais uma fabricante chinesa que aproveitará o Salão de São Paulo para estrear no Brasil. A marca será representada no país pelo grupo SHC, que é comandado por Sergio Habib, ex-presidente da Citroën. Por enquanto, serão apresentados apenas quatro modelos: J2, J3 (versão Sport e Turim), J5 (incluíndo uma versão híbrida) e o J6.

Novo Jaguar XJ
Novo Jaguar XJ (Foto: Divulgação)
Jaguar

O único representante da marca em seu estande será o novo XJ. A linha 2010 mudou o visual, principalmente a traseira. O sedã de luxo é equipado com motor V8 de 5.0 litros Supercharged que entrega 470 cavalos de potência e permite a aceleração de 0 a 100 km/h em 5,2 segundos. No mercado europeu os preços variam de R$ 170 mil a R$ 280 mil, sem impostos e taxas de importação.

Jinbei Topic
Jinbei Topic (Foto: Divulgação)
Jinbei

A fabricante chinesa, controlada pela CN Auto, confirmou a estreia de várias novidade no Brasil. A marca, que já vende as vansTopic, terá outras cinco versões do modelo e apresentará ainda a Splendor 7.

Kia Koup
Kia Koup (Foto: Divulgação)
Kia Motors

A sul-coreana Kia Motors já havia adiantado seis novidades que apresentará na feira. Estarão no estande o novo Sportage, o Soul com motor flex, o sedã Cadenza que é sucessor do Opirus, o Optima (a nova geração do Magentis) e o Koup e o Forte, que são as versões cupê e hatch do Cerato, respectivamente.

Koenigsegg CCXR E100Koenigsegg CCXR E100 (Foto: Divulgação)
Koenigsegg

A versão Platinuss Special do  superesportivo CCXR E100, dedicada à Platinuss importadora oficial da Koenigsegg no Brasil, será a atração no estande da marca. O  motor do modelo feito para o Brasil será alimentado 100% por etanol e ganhou 82 cavalos de potência passando para 1.100 cv. A aceleração de 0 a 100 km/h é feita em 2,9 segundos e o modelo chega a 415 km/h.

Lamborghini Gallardo Superleggera 2011Lamborghini Gallardo Superleggera 2011 (Foto: Divulgação)
Lamborghini

A Lamborghini terá no salão a Gallardo LP570 4 Superleggera 2011. A nova versão tem 70 kg a menos e 10 cv a mais no motor V10 5.2 que entrega agora 570 cv. Do zero até os 100 km/h, o modelo leva 3,4 segundos. Os preços no país não foram revelados, mas sabe-se que esse será o carro mais caro da marca italiana.

Range Rover Evoque
Range Rover Evoque (Foto: Divulgação)
Land Rover

A marca britânica apresentará no país o Range Rover Evoque, Range Rover Vogue 2011 e o Land Rover Freelander 2. O Evoque, que será apresentado oficialmente no Salão de Paris, será o menor, mais leve e mais econômico Range Rover já produzido. Disponível nas versões 4×4 e 4×2, o modelo terá emissões de CO2 abaixo dos 130 gramas por quilômetro rodado.

Lifan
Lifan (Foto: Divulgação)
Lifan

A Lifan, fabricante chinesa, confimou a estreia da versão automática e elétrica do 620, o sedã 520, um utilitário esportivo e uma van. Das novidades, a que promete ser o grande destaque é o 620, um sedã do porte do Polo Sedan que traz de série ar-condicionado, freios ABS, airbag duplo e faróis dianteiros com LED’s. A estimativa é que o preço fique em torno de R$ 40 mil.

Maserati Awards EditonMaserati Awards Editon (Foto: Divulgação)
Maserati

A Maserati levará para a feira uma edição especial do Quattroporte que foi apresentada no Salão de Genebra. A  Awards Editon tem pintuta em tom pérola, novos cromados na carroceria, rodas de liga leve de 20 polegadas e pinças de freio da marca Brembo. O motor é o V8 4.7 de 439 cv da versão Sport GT S. As vendas no mercado europeu já começaram, mas os preços só são divulgados aos interessados no luxuoso.

Mini Countryman
Mini Countryman (Foto: AP)

Mini

A principal atração da Mini (marca da BMW) – é a versão 4X4 do compacto Mini Cooper, chamada de Countryman.  Apesar de off-road, o interior do modelo traz o mesmo requinte e estilo das outras versões. De diferente está o porta-malas, agora com capacidade para 350 litros. São oferecidos como opcionais sistema de navegação e áudio, teto panorâmico, faróis com regulagem de altura e banco traseiro de três lugares (de série, são apenas dois lugares).

Pagani Zonda R
Pagani Zonda R (Foto: Divulgação)
Pagani

O Pagani irá mostrar em São Paulo o Zonda R e o Cinque. O primeiro é uma versão mais leve e mais rápida do Zonda equipada com motor V12 6.0 de 750 cv e limitada a apenas 10 unidades. A outra é uma versão de rua do Zonda R com propulsor de 678 cv, câmbio sequencial de seis marchas, controle de tração e freios ABS. Os preços são 1,2 milhões de euros e 800 mil euros, respectivamente.

Porsche Cayenne S Hybrid
Porsche Cayenne S Hybrid (Foto: Divulgação)

Porsche

A Stuttgart Sportcar, importador oficial Porsche, confirmou os modelos Panamera V6, Cayenne S Hybrid e o esportivo 911 GT2 RS no estande da marca alemã. O principal destaque é o modelo híbrido, equipado com um motor a combustão V6 3.0 com supercompressor e 333 cv de potência, combinado a um motor elétrico de 47 cv. Dependendo das condições, os motores podem funcionar de forma independente ou em conjunto.

Spyker C8 Aileron Coupé
Spyker C8 Aileron Coupé (Foto: Divulgação)
Spyker

Depois de apresentar o C8 Laviolette e C8 Spyder, a marca holandesa Spyker traz para o Brasil o C8 Aileron Coupé, que tem a carroceria em alumínio mais larga, entreeixos mais longo e motor central. O propulsor é um V8 4.2 litros de 400 cavalos de potência.A velocidade máxima é de 300 km/h. Os preços ainda não foram revelados, mas devem ser superior aos R$ 1,1 milhão e R$ 1,5 mi cobrados pelos carros que já estão aqui.

Ssangyong Korando CSsangyong Korando C (Foto: Divulgação)
SsangYong

Para se recuperar da crise que quase a levou à falência, a sul-coreana investe no segmento de crossovers e apresenta o Korando C ao mercado brasileiro. A SsangYong divulgou poucas informações sobre o modelo, mas ele contará com tração 4×2 e 4×4 e motor 2.0 turbo diesel de 173 cavalos de potência. O Korando C vai concorrer com os também sul-coreanos Hyundai Tucson e ix35.

Volvo S60
Volvo S60 (Foto: Reuters)

Fonte: Auto esporte

Volvo

Os lançamentos da marca sueca no Brasil são o S60, o C30 – R-Design e o XC60 – R-Design. O maior destaque é o luxuoso sedã S60. Seu principal atrativo não é a nova geração de motores 3.0 de 304 cavalos, mas sim o avançado sistema de segurança que detecta pedestres, para evitar atropelamentos. O sistema identifica as pessoas que passam na frente do carro e alertam o motorista.

Veja outras matérias interessantes do Blog Contagiros em:

Venda da Saab para a Spyker Holandesa é concretizada pela GM

janeiro 27, 2010 Deixe um comentário

Foto de uma das linhas de montagem da Spyker da Holanda

A General Motors concordou em vender a marca sueca Saab para a fabricante holandesa de carros esportivos Spyker por cerca de US$ 74 milhões em dinheiro e mais US$ 326 milhões em ações da companhia resultante do negócio.

A conclusão da transação ainda depende da liberação de um empréstimo de 400 milhões de euros (US$ 566 milhões) pelo Banco de Investimento Europeu para a companhia sueca. O empréstimo terá garantia do governo da Suécia. O negócio deve ser fechado até meados de fevereiro e a nova companhia deverá se chamar Saab Spyker Automobiles.

“A GM sempre teve esperança de encontrar uma solução para a Saab que evitasse o fim da marca”, declarou Nick Reilly, presidente da GM Europa. “Estou muito contente que conseguimos chegar a um bom acordo, que preservará empregos na Suécia e em outros países.”

Spyker C8 Aileron Spider - um dos carros produzidos atualmente pela marca

A GM tem trabalhado para enxugar seus negócios, livrando-se de marcas como Saab, Pontiac, Saturn e Hummer. A montadora americana, que saiu de concordata no meio do ano passado, pretende se concentrar em sua linhas Chevrolet, Buick, GMC e Cadillac.

A marca sueca estava à venda desde fevereiro do ano passado e a GM já havia ameaçado encerrar as atividades da marca caso não encontrasse um comprador com uma oferta razoável.

Fonte: G1

Essa e outras matérias você pode seguir pelo twitter

Marca Holandesa Spyker mostra conversível C8 Aileron

Spyker_C8_aileron_spyder

A última criação da marca holandesa Spyker é a versão conversível do coupé C8 Aileron: o C8 Aileron Spyder que é, tal como o modelo que lhe serve de base, um símbolo da última tecnologia aeronáutica, nomeadamente no que diz respeito à estética e à aerodinâmica. O teto do carro é em lona e o sistema de abertura da capota é semi-automático e demora cerca de 20 segundos a abrir e a fechar.

O motor é um Audi V8 de 4,2 litros, capaz de debitar 405 cv de potência e 480 N.m de binário. Está acoplado a uma caixa manual de seis velocidades e, opcionalmente, estará disponível uma automática com o mesmo número de relações, produzida pela ZF. O Spyker C8 Aileron Spyder acelera dos 0 aos 100 km/h em apenas 4,5 segundos e consegue atingir os 300 km/h de velocidade máxima.

A produção do desportivo inicia-se no primeiro semestre de 2010 e, quanto a preços, ainda não existe qualquer informação.


Essa e outras matérias você pode seguir pelo twitter

%d blogueiros gostam disto: