Arquivo

Archive for the ‘Autos Carros Rolls Royce’ Category

Primeira Testa Rossa 250 ano 1957 fabricada no mundo é vendida em leilão por mais de U$ 16 milhões e se torna a Ferrari mais cara do mundo

setembro 4, 2011 Deixe um comentário

O mercado de veículos antigos internacional viveu momentos de euforia a algumas semanas quando foi Leiloada no tradicional “ Pebble Beach Concours d’Elegance”, pela empresa americana Gooding & Company, um modelo da Ferrari, a 250 Testa Rossa 1957 Prototype – chassi 0666TR é o exemplar mais importante da série: Foi o primeiro protótipo da 250TR fabricado. O modelo de Maranello, desenhado pela Carrozzeria Scaglietti, venceu 10 das 19 principais competições automobilísticas internacionais realizadas nas décadas de 50 e 60.

Mas o incrível é que o modelo não se tornou o carro antigo mais caro vendido em um leilão. O atual recordista de preço pertence ao Bugatti Type 57SC Atlantic 1936, vendido em maio de 2010 por 40 milhões de dólares.

Entre os carros qued também foram leiloadas num total de 159 veículos , 22 eram modelos Ferrari. 18 exemplares foram negociados, 12 deles atingiram valores acima de U$ 700 mil. O modelo, por se dizer, mais “barato”, uma Ferrari F430 Challenge Car 2009, foi vendida por US$ 162.500,00.

Rolls Royce Silver Ghost - este sim é o carro mais caro do mundo

Mas afinal qual é o carro mais caro do mundo na realidade?

Este carro, da foto acima, com 800.000 km rodados, pertence a própria fábrica, já que o antigo dono morreu enquanto estavam consertando-o e os herdeiros decidiram por vendê-lo. Trata-se do Rolls-Royce (Silver Ghost 1906) cotado aproximadamente em US$ 50.000.000 (cinquenta milhões de dólares)

A produção foi de 7.876 unidades com um motor de 7.428 cc (88 CV). Considerado o melhor carro do mundo em sua época, o Silver Ghost consolidou as bases do refinamento, luxo e conforto que caracterizaram a todos os modelos posteriores da marca britânica. Para provar a suavidade do motor, estabeleceu-se uma prova de demonstração que consistia em deixar sobre o capô um moeda que permanecia imóvel.

Veja mais fotos do modelo que surpreendeu o mundo como a Ferrari mais cara do mundo vendida em leilão.

Nem só de carros e motores de luxo vive a Rolls-Royce

fevereiro 14, 2011 Deixe um comentário

Motor de um carro Rolls royce? Que nada, o negócio da marca no Brasil são turbinas de avião, petróleo e gás

Com informações direto do Estadão, uma grande marca britânica deve aumentar seus investimentos por aqui. O curioso é que não será para produzir motores ou veículos de luxo, veja porque:

Com planos de dobrar o faturamento na América do Sul até o fim da década, a fabricante britânica de motores Rolls-Royce pretende investir US$ 100 milhões no Brasil em 2011. Os recursos serão aplicados diretamente em projetos ligados ao pré-sal. Os planos para a operação brasileira serão anunciados nesta segunda-feira, 14.

Do investimento total, US$ 40 milhões, já têm destino certo: a instalação de uma fábrica, no Estado do Rio de Janeiro, para “empacotar” turbinas utilizadas em plataformas de exploração de óleo e gás. Depois de 52 anos no Brasil, a Rolls-Royce hoje tem três unidades de manutenção e reparo de motores, em São Bernardo do Campo (SP), Macaé (RJ) e Niterói (RJ). As turbinas continuarão a ser importadas, mas os componentes que integram esses geradores passarão a ser adquiridos, em sua maioria, de fornecedores brasileiros.

Ao aumentar o conteúdo local em seus produtos, a Rolls-Royce ficará mais competitiva nas licitações da Petrobrás. Ainda neste semestre, a estatal deve abrir processo para compra de 32 motores para o poço de Tupi. Em 20 anos, serão 200 equipamentos. Hoje, o governo brasileiro exige alto índice de nacionalização de equipamentos na concessão de blocos – em 2010, a meta estabelecida pela Petrobras foi de 68,5%. “Aplaudimos a iniciativa do País de aumentar a participação do conteúdo local”, diz o presidente da companhia na América do Sul, Francisco Itzaina. “Fazer esse alinhamento é algo que exige um grande esforço, porque o Brasil está se tornando parte do DNA da empresa.” Em 2010, a Rolls-Royce faturou US$ 16 bilhões, dos quais US$ 700 milhões na América do Sul. A empresa não especifica valores, mas o Brasil responde pela maior parte da receita da região.

Empenho

Desde o início do ano, o executivo está empenhado na seleção de uma equipe de 10 a 15 profissionais que terá a missão de encontrar fornecedores nacionais para a montagem das turbinas. As empresas terceirizadas terão a chance de se tornar fornecedoras globais da Rolls-Royce. A intenção é que os equipamentos sejam montados com 35% a 51% de peças nacionais. Entre 2003 e 2009, a Rolls-Royce forneceu motores para a operação offshore da Petrobrás, mas tudo era importado, exceto os módulos que abrigavam esses equipamentos e já não são mais comprados diretamente pela estatal. “A tecnologia Rolls-Royce viabiliza mais de um terço da produção de petróleo no Brasil atualmente”, diz Itzaina.

Os outros US$ 60 milhões previstos para o Brasil dependem ainda de um sinal concreto de que os contratos por aqui sairão do papel. Se a próxima licitação da Petrobrás for favorável à fabricante britânica, há planos de expandir a unidade de manutenção de São Bernardo – que hoje faz reparos em motores para aviação civil – e realizar ali a reforma das turbinas usadas nas plataformas offshore.

O processo de nacionalização dos componentes será estendido também aos navios de carga desenhados e produzidos com tecnologia Rolls-Royce. Já existem 40 deles no Brasil. A compra de peças produzidas por empresas brasileiras fará a fabricante desembolsar US$ 1 bilhão na próxima década. Enquanto se dedica ao crescimento dos negócios nas áreas marítima e de energia, a Rolls-Royce vive um período de certa “estagnação” na aviação civil.

Após fornecer 2,2 mil motores para a Embraer, a companhia britânica perdeu contratos para a concorrência. Mas há pedidos firmes, na América do Sul, para atender a demanda de companhias como LAN, TAM e Avianca. “Agora, estamos fazendo um grande esforço para trazer de outros países para o Brasil os trabalhos de reparos de turbinas de aviação.”

Conclusão: Se engana quem pensa que o dinheiro só existe no mercado de alto luxo de veículos leves, nem sempre o que se vê é o que realmente gera o lucro.

Siga o Blog Contagiros no:

National Geographic Channel apresenta na TV a cabo esta semana como são produzidos os melhores carros esportivos do mundo


Nesta semana o canal por assinatura National Geographic Channel está trazendo uma programação super especial para  quem curte e acompanha as super máquinas. o programa é o NG Apresenta.

Trazemos aqui um resumo ( mesmo que tardio ) das mais belas máquinas que já foram e serão apresentados ao longo desta semana. O desfile conta com Rolls Royces, Ferraris, Lamborghinis,

Em formato de documentários eles mostram passo a passo como são produzidos as máquinas mais cobiçadas do mundo.

Gente, se tiverem TV por assinatura vale a pena conferir. Todos os dias as 22:00 hs com reprises ao longo da semana também.

Segunda Feira 22 de Março – LAMBORGHINI

A fábrica da Lamborghini em SantAgata Bolognese, Itália, a 30 quilômetros ao norte de Bolonha, está construindo seu carro mais veloz até hoje: o Murciélago SV, que terá apenas 350 unidades. Este automóvel de 450 mil dólares vai de 0 a 100 em apenas 3.2 segundos e atinge uma velocidade máxima de 340 km/h. O carro é feito quase todo à mão, incluindo seu motor e chassi.

Ele também é montado e pintado à mão, incluindo as famosas portas “tesoura” da Lamborghini. Todos os carros são fabricados sob encomenda e apenas 2.7 carros são finalizados diariamente.

Terça Feira 23 de Março – FERRARI

A Ferrari é o carro esportivo mais famoso do mundo. O programa leva você até a fábrica ultra-secreta da Ferrari em Maranello, na Itália. Testemunhe a criação do mais novo e mais potente Ferrari já construído, desde o metal fundido até o processo final deste esportivo que atinge 320 quilômetros por hora.

Os incríveis robôs e os processos espetaculares em cada ponto da linha de produção são captados com lentes especiais para filmagens de perto e são ilustrados com computação tridimensional de última geração. Conheça os segredos do projeto do novo carro da Ferrari e faça o teste drive na pista de corridas particular da empresa, onde uma falha poderia ser desastrosa.

Quarta Feira 24 de Março – AUDI

O programa visita a fábrica do Audi R8 em Neckarsulm, Alemanha, e acompanham a fabricação de um carro de turismo criado a partir de um carro de corrida campeão. Com a chegada do R8, a Audi rompe sua imagem de sedan elegante para dar espaço a um modelo esportivo que rivaliza com os da Porsche e Lamborghini.

Inspirado no R8 de corrida, um carro que dominou Le Mans, o Audi R8 turismo tem dois assentos, motor de tamanho médio com muita potência e operação impecável. A Audi aplicou todas as inovações da engenharia ocorridas nas últimas décadas neste carro esportivo com tração nas quatro rodas, chassi de alumínio ultraleve e injeção eletrônica de alta tecnologia. Desde seu lançamento em 2007, o R8 apareceu em muitos filmes e séries de TV, entre eles Iron Man, Transformers, Dirty Sexy Money, CSI: Miami, Chuck e 17 Again.

Este é um modelo que está chamando a atenção dos apreciadores de carros esportivos, fotógrafos e jornalistas esportivos de todo o mundo.

Quinta Feira 25 de MarçoROLLS ROYCE

O Phantom foi o primeiro Rolls-Royce apresentado ao mercado desde que a empresa foi adquirida pela BMW, em 1998. Cada Phantom é uma combinação única de tecnologia de última geração e habilidade artesanal do velho mundo, sendo fabricado com uma atenção meticulosa aos detalhes. A fabricação do Phantom começa em Unterhallerau, Alemanha, onde é feito seu chassi leve e resistente.

Cada chassi e carroceria é então enviado para a fábrica da BMW em Dingolfing, Alemanha, onde é realizado o tratamento anticorrosão e a primeira etapa da pintura. Em seguida, cada Phantom é enviado para uma fábrica construída especialmente pela BMW para esta nova geração de Rolls-Royce. Para fabricar cada um destes veículos feitos à mão são necessárias cerca de 450 horas, bem como a habilidade de centenas de artesãos, projetistas, engenheiros, mecânicos, pintores, costureiros e outros profissionais.

Com a versão básica vendida a 380 mil dólares, o Phantom vem equipado com uma impressionante lista de itens de beleza e conforto, incluindo peças de couro de alta qualidade e itens em madeira igualmente trabalhados à mão – tudo na fábrica de Goodwood. Com o programa “fabricado sob encomenda” da Rolls-Royce, as opções são limitadas apenas pelo bolso e imaginação do cliente.

Sexta Feira 26 de Março – REPRISE – LAMBORGHINI

Essa e outras matérias você pode seguir pelo twitter

Mansory almã preparou o Rolls Royce Ghost com 720 cv e será mostrado em Genebra

fevereiro 28, 2010 Deixe um comentário

Você pode até achar meio brega as cores ( eu também) mas que o carro virou um avião... isso sim..

A preparadora alemã Mansory vai levar para o Salão de Genebra 2010 o Rolls Royce Ghost. Além da pintura exclusiva, o modelo teve a sua potência aumentada em 26%. Se o modelo original já era forte com os seus 562 cv de potência máxima, imagine então um com 720 cv. Para chegar ao aumento de potência, a preparadora redimensionou os escapes e coletores e remapeou o chip da central eletrônica.

Com as melhorias, o Rolls Royce preparado apresentou uma aceleração de 0 a 100 km/h em 4,4 s. Outro número que impressiona é o da velocidade máxima. De acordo com a empresa de preparação, o “fantasmagórico” Mansory pode atingir 310 km/h.

Para agüentar a alteração da potência, o modelo ganhou rodas de aro 22 calçadas com pneus Dunlop SP Sportmaxx.

No interior, o Rolls Royce Ghost ganhou acabamento inteiro em couro, teto forrado por camurça e iluminação em LED. Assim como a sua primeira aparição, o Mansory Rolls Royce Ghost terá o seu valor revelado no Salão Automóvel de Genebra, na próxima semana. Mas já podemos adiantar que se o modelo “normal” custa a bagatela de U$ 300 mil   , imagine o tunado…


Fonte: Yahoo Carros

Essa e outras matérias você pode seguir pelo twitter

Salão do Automóvel de Frankfurt 2009 – Vídeos Bacanas

setembro 22, 2009 Deixe um comentário

Em matéria publicada no último domingo o programa Auto esporte da Globo deu uma mostra de como funciona o maior salão do automóvel do mundo – Frankfurt 2009.

Como ainda não temos o cascalho suficiente para ir até lá pegamos uma carona no vídeo para você ter uma breve visão do paraíso dos aficcionados em novidades automotivas e lançamentos da maiores marcas do planeta.

Outro vídeo mostra um pouco mais sobre o salao, na visão do site http://www.autocar.co.uk. Eles criaram um canal exclusivo dentro do youtube onde você encontra uma série de vídeos mostrando carro por carro. vale a pena…

http://www.youtube.com/user/autocar

Nele você ve a incrível tamanho do local, o rolls royce ghost, bentley mulsanne ( top de linha ), pistas de testes, mercedes novas e antigas, Mc Laren, Aston Martin Rapide – sedã ( um dos mais assediados), maseratti grand cabrio, Ferrari 458 Italia V8 577 cavalos, Audi anos 50 e o R8 5.2 Quattro, Renault Logan Perua, C30 da Volvo, Sorrento 2010, Kia Venga, Citroen Concept, Revolt, Ix 35, carros elétricos aos montes, i10, Veículos renault elétricos, BB1 da renault, Smart Elétrico, IQ da Toyota, Up e-motion da Volkswagen, audi e-tron, Tesla Roadster o carro elétrico mais rápido do mundo, vision da BMW

Todos eles inclusive já publicados aqui no Blog – e que podem ser vistos no link – clique aqui

Uma curiosidade: O ingresso custa 47 Euros… ainda dá tempo de fazer uma visitinha…

Essa e outras matérias você pode seguir pelo twitter

Rolls Royce Ghost , um símbolo de uma era reapresentado em alto estilo

setembro 8, 2009 Deixe um comentário

Rolls_Royce_Ghost_200_ex_2010
Se alguém de lembra dos Yuppies dos anos 90, aqueles empresários ou mesmo investidores com muita grana e sedentos pelo alto luxo nas terras do Tio Sam, vai lembrar na hora do carro que estamos mostrando. Símbolo de ostentação entre os mais ricos entre os ricos. Não podemos esquecer também dos sultões e Sheiks árabes também endinheirados pelo ouro negro.

Mas mesmo assim eu acho que vale a pena mostrar o carro, mesmo sabendo que vai ser bem difícil circulando por aqui tão cedo. Voltemos do feriadão…

A versão final do Rolls-Royce Ghost, o modelo anunciado em 2006 e antecipado pelo protótipo 200EX, será apresentada no Salão de Frankfurt, dentro de poucos dias.

O Ghost mede 5,4 metros de comprimento, pesa 2435 kg e está equipado com um 6.6 V12 de 570 cv, com o qual pode acelerar de 0 a 100 km/h em 4,9 segundos.

No interior, o cliente tem ao seu dispor uma versão do iDrive da BMW e, na altura da encomenda, será convidado a escolher a tonalidade das peles e a madeira envernizada que prefere.

A nova proposta poderá ser encomendada ainda em 2009 e o seu preço de referência é 191 mil euros, antes de impostos.

Veja abaixo mais fotos:


Essa e outras matérias você pode seguir pelo twitter

Qual é o carro mais caro do Mundo?

junho 15, 2009 7 comentários

É o Rolls-Royce (Silver Ghost 1906) cotado aproximadamente em US$ 50.000.000 (cinquenta milhões de dólares).

Haja flanelinha para guardar o Silver Ghost - O CARRO mais caro do mundo

Haja flanelinha para guardar o Silver Ghost - O CARRO mais caro do mundo

Este carro, da foto acima, com 800.000 km rodados, pertence a própria fábrica, já que o antigo dono morreu enquanto estavam consertando-o e os herdeiros decidiram por vendê-lo

A produção foi de 7.876 unidades com um motor de 7.428 cc (88 CV). Considerado o melhor carro do mundo em sua época, o Silver Ghost consolidou as bases do refinamento, luxo e conforto que caracterizaram a todos os modelos posteriores da marca britânica. Para provar a suavidade do motor, estabeleceu-se uma prova de demonstração que consistia em deixar sobre o capô um moeda que permanecia imóvel.

Bem, só pra efeitos comparativos com o carrinho de cima dava pra comprar umas 30 ferraris F50. Nada mal para um carro de mais de 100 anos de idade.

%d blogueiros gostam disto: