Início > Carros Antigos, Curiosidades Automotivas, Notícias de Autos, Motos e Acessórios > Como e quando nasceu o carro mais antigo do mundo

Como e quando nasceu o carro mais antigo do mundo

Réplica do veículo considerado o carro mais antigo do mundo produzido em 1769 por Luis Cognot

Esta é uma das matérias que sempre que publicamos o pessoal elogia e fiquei muito contente ao achar parte do texto abaixo que foi publicado a pouco dias no Blog Mahar Press. Muito interessante como surgiram os primeiros carros no mundo e com certeza todos irão gostar.

Na prática a história começa na China, que por mera coincidência vemos hoje crescer assutadoramente no ramo da produção de automóveis. Ele foi quem inaugurou o que podemos chamar de ERA DO AUTOMÓVEL e foi projetado e construído por Ferninand Verbiest, Padre Jesuíta belga em uma missão na China, era um carrinho de 65 cm de comprimento para o imperador chinês. Tinha uma caldeira primitiva onde a água fervendo soprava por um bico que impulsionava uma espécie de roda d´água que girava um eixo por engrenagem.

Veículo de Ferdinand Verbiest que serviu de inspiração para a criação do primeiro carro do mundo, anos mais tarde

Mas ele não foi considerado o primeiro, já que o verdadeiro primeiro veículo automóvel foi feito por Nicolas Cugnot, militar e engenheiro francês, em 1769: era uma carreta muito usada para carregar coisas pesadas como canhões, chamada de Fardier, ou carregador de fardos, que foi modificada em veiculo a vapor. Cugnot foi um dos primeiros a transformar o movimento alternativo dos pistões de um motor a vapor em movimento circular da roda dianteira por meio de uma catraca, como é possível ver nas fotos.

A proposta era transportar duas toneladas e meia por duas léguas ou 7,8 km em uma hora, coisa que nunca conseguiu. Ficou meio pichada porque o brilhante Cugnot não previu como parar, só andar. O resultado foi uma mega-porrada em um muro…

Atualmente um milionário francês, dono de um museu em Tampa, na Flórida, investiu uma nota preta e construiu uma réplica que funciona. Mas a réplica só anda em lugares onde não há nada na frente, pois continua sem freios… A distribuição de peso deve ser uma maravilha com o motor e a caldeira pendurados na frente, como um cavalo de tração. A direção gira o conjunto todo em relação ao chassi. Essa imprecisão toda era devida à falta de conhecimento do inventor e das artes dinâmicas de um veículo, feito para andar em todo terreno carregando pesadas peças de artilharia.

Apesar de ter feito várias viagens de Paris a Vincennes e Nantes, o Fardier não se mostrou muito viável na sua configuração original e foi arquivado em 1800 no Conservatório de Artes e Ofícios de Paris, onde está até hoje. Mas estava lançada a semente do equipamento que transformou nossas vidas para sempre, tornando-se a paixão de muitos e a própria razão de existência de milhares de pessoas.

O link do Museu você pode acessar clicando aqui e para quem quer se aventurar nas terras do Tio Sam, segue logo abaixo o endereço:

3301 Gateway Centre Blvd. Pinellas Park, Florida 33782
727.579.8226 | info@tbauto.org

Siga o Blog Contagiros no:

 

Anúncios
  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: