Primeiro carro importado híbrido para o Brasil será a Mercedes S 400 Hybrid


A Mercedes-Benz abre a fila na importação de veículos e carros híbridos para o mercado nacional. O S 400 Hybrid, lançado na Europa em 2009, é produzido em série e equipado com baterias de lítio. Oferecido sob encomenda, ele custará aqui US$ 253,5 mil, um valor à altura do pioneirismo do projeto e do luxo incorporado.

Baseado na versão S 350, o híbrido traz um powertrain com um propulsor V6 e um motor adicional magnetoelétrico. A transmissão automática 7G-Tronic, de sete velocidades, tem configuração específica para o módulo híbrido.

O módulo híbrido compacto é um motor elétrico em formato de disco que também atua como um motor de partida e gerador/alternador. O fabricante assegura que o sistema oferece o benefício duplo de economizar combustível e aumentar o prazer de dirigir, já que o motor elétrico dá suporte contundente ao motor a gasolina, entregando 160 Nm de torque adicional durante as acelerações.

O módulo híbrido traz a função start/stop, que desliga o motor quando o veículo está freando, abaixo de 8 km/h, como em semáforos. Quando é hora de arrancar novamente, o motor elétrico reinicia quase que imperceptivelmente o funcionamento do motor a gasolina.

Outra inovação importante aparece nas diminuições de velocidade, tanto com a aplicação do freio bem como do freio-motor. Nessa situação o motor elétrico age como um gerador para recuperar a energia cinética, armazenada na bateria de íons de lítio.

A bateria de íons de lítio armazena energia para o motor elétrico e fica conectada a uma rede onboard de 12 volts para fornecer energia a faróis e dispositivos de conforto. O motor elétrico compacto, instalado na flange entre o motor e a transmissão, possui rotor externo de 3 fases, que desenvolve um pico de potência de 15 kW/20 cv e torque de 160 Nm, com voltagem de 120 Volts.

O fabricante declara que o S 400 Hybrid acelera de 0 a 100 km/h em 7,3 segundos e atinge a velocidade máxima (eletronicamente controlada) de 250 km/h. Comparado ao modelo que lhe serviu de origem, o S 350, o modelo híbrido da Mercedes-Benz apresenta consumo médio, segundo as normas europeias, 19% inferior. As emissões de CO2 são reduzidas em cerca de 21%.

O S 400 BlueHybrid é produzido na unidade de Sindelfingen, juntamente com os outros modelos S-Class.

Essa e outras matérias você pode seguir pelo twitter

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: