Arquivo

Archive for janeiro \27\UTC 2010

Veja como ficou o Tiida 2010 após uma leve mudança de design

janeiro 27, 2010 Deixe um comentário


A linha 2010 do hatch Nissan Tiida ganha atualização no design e novos equipamentos de série. Os preços da linha atualizada variam entre R$ 48.990 (S 1.8 manual) e vão até R$ 57.990 (SL 1.8 automático).

Na parte externa, a grade dianteira ganhou as linhas do sedã Sentra 2010, com três filetes contínuos. O estilo mais agressivo é um novo padrão da marca e foi inspirado no sedã de luxo Maxima, vendido nos Estados Unidos e México. O logotipo centralizado da Nissan agora está sobreposto a estes filetes. Assim, todo o contorno da grade frontal passa a ser cromado.

luzes do Conta Giros mudam de Vermelho para laranja...

Na parte interna, o hatch recebeu novos tecidos nos bancos e no acabamento das portas. O banco do motorista passa a vir com ajuste de altura já na versão S. O painel de instrumentos também foi modificado e, agora, o centro do velocímetro tem a mesma cor da parte externa e os números de marcação da velocidade são maiores. A luz dos ícones do conta-giros mudou de vermelho para laranja.

A versão 1.8 SL ganhou nova roda 16 polegadas e chave inteligente presencial (I-key), com abertura e fechamento das portas, do porta-malas e acionamento do alarme.

Os itens de série da versão mais básica continuam a ser ar-condicionado (automático digital na versão SL), vidros e travas com acionamento elétrico, direção elétrica com assistência variável, travamento automático das portas com veículo em movimento e banco traseiro reclinável deslizante na horizontal.

Aumento das vendas

A Nissan pretende aumentar as vendas do modelo de 250 para 500 unidades por mês com o novo visual ( ainda é pouco , ok) e a motorização flex. “É um novo patamar para o modelo, que é uma opção mais sofisticada que o Livina e mais acessível que o Sentra”, disse em nota o gerente de marketing de produto da Nissan, Mário Furtado. Segundo ele, o mix de vendas será 40% da versão 1.8 S e 60% da 1.8 SL, sendo que 60% deverão ser equipadas com câmbio manual e 40% com câmbio automático.

Essa e outras matérias você pode seguir pelo twitter

Venda da Saab para a Spyker Holandesa é concretizada pela GM

janeiro 27, 2010 Deixe um comentário

Foto de uma das linhas de montagem da Spyker da Holanda

A General Motors concordou em vender a marca sueca Saab para a fabricante holandesa de carros esportivos Spyker por cerca de US$ 74 milhões em dinheiro e mais US$ 326 milhões em ações da companhia resultante do negócio.

A conclusão da transação ainda depende da liberação de um empréstimo de 400 milhões de euros (US$ 566 milhões) pelo Banco de Investimento Europeu para a companhia sueca. O empréstimo terá garantia do governo da Suécia. O negócio deve ser fechado até meados de fevereiro e a nova companhia deverá se chamar Saab Spyker Automobiles.

“A GM sempre teve esperança de encontrar uma solução para a Saab que evitasse o fim da marca”, declarou Nick Reilly, presidente da GM Europa. “Estou muito contente que conseguimos chegar a um bom acordo, que preservará empregos na Suécia e em outros países.”

Spyker C8 Aileron Spider - um dos carros produzidos atualmente pela marca

A GM tem trabalhado para enxugar seus negócios, livrando-se de marcas como Saab, Pontiac, Saturn e Hummer. A montadora americana, que saiu de concordata no meio do ano passado, pretende se concentrar em sua linhas Chevrolet, Buick, GMC e Cadillac.

A marca sueca estava à venda desde fevereiro do ano passado e a GM já havia ameaçado encerrar as atividades da marca caso não encontrasse um comprador com uma oferta razoável.

Fonte: G1

Essa e outras matérias você pode seguir pelo twitter

Volkswagen já começa a vender Amarok na Argentina

janeiro 26, 2010 Deixe um comentário

Volkswagen Amarok, os pedidos já começaram, mas as entregas só em março

Algumas concessionárias da Volkswagen na Argentina já começaram a fazer encomendas para a picape Amarok, segundo o apurado pelo Argentina Autoblog. Ainda assim, as primeiras unidades só serão entregues em março.

Em concessionarias de Buenos Aires, as encomendas da Amarok já superam as 200 unidades, entre clientes e concessionárias do interior do país. Todas da versão mais cara, que será a primeira a ser vendida, com cabine dupla, tração 4×4 e motor 2.0 Diesel de 163cv. O preço? 160 mil pesos, o que corresponde a 78 mil reais. Isso mesmo, cerca de R$42.000 mais baratos do que a Hilux, mas isso somente lá ok…

O preço, na Argentina é equivalente ao da Hilux SRV 4×4 sem bancos de couro (157.200 pesos), que também é produzida na Argentina. No Brasil, esta Hilux custa 120 mil reais, o que dá a ideia de preço da Amarok. O bom é que o lançamento dela está próximo, entre os dias 4 e 6 de fevereiro em Bariloche na Argentina, chegando aqui em março.

Fonte: Motor Passion

Conheça projeto da Ferrari da década de 70

janeiro 26, 2010 2 comentários

Interessante, mas é só isso que a Ferrari Nuovo Modulo é

Paolo Martin, designer responsável por grandes ícones do automobilismo, como a Ferrari Modulo, revelado em 1970, desenhou um novo modelo para a marca italiana. Revendo o conceito da Ferrari Modulo e reinterpretando o tema em um design contemporâneo, Martin chegou ao “nuovo Modulo”. Ele é baseado na estrutura da Ferrari Enzo, porém NÃO se parece tão radical e inovador quanto o ícone da década de 70. Com certeza para a época pode ter sido mas supresa, mas hoje, não sei… vale a curiosidade de mostrar o modelo.

Na época em que foi apresentada, a Ferrari de corrida teve como base o modelo de competição 512 S e logo se tornou um dos modelos conceituais mais avançados vistos até então. De tão arrojado, os projetistas da marca italiana não puderam nem sequer pensar em fabricar uma versão definitiva, na época é claro.

Analisando o desenho hoje, siceramente eles não deveriam colocar o veículo em produção, que venha a F458, não concordam? Assistindo a desenhos na TV vemos hoje carros conceito mais bonitos e chamativos…

Essa e outras matérias você pode seguir pelo twitter

Fiat 500 comemora 2 anos de vida com exposição de edições especiais

janeiro 25, 2010 Deixe um comentário

Mostra de edições comemorativas marcam os 2 anos de lançamento do modelo 500 da Fiat

A Fiat está comemorando o segundo aniversário do lançamento do Fiat 500, no Reino Unido, com uma exposição constituída por diferentes exemplares de edições especiais do modelo, em Londres, no concessionário Fiat Marylebone.

Na exposição é possível encontrar-se edições especiais do Fiat 500 como o Capri de Castagna, o 500 Valentino Rossi, o 500 de Andy Warhol, o 500 Diabolika, o 500 Ron Arad, o novo Fiat 500 Pink e, ainda, o 500 Diesel e o Abarth 500.

«Estou muito contente que o Fiat 500 tenha completado o seu segundo aniversário, no Reino Unido, desta forma. Vendemos, até agora, mais de 40.000 unidades do modelo e ainda temos muitos clientes com pedidos por satisfazer», disse  Andrew Humberstone, diretor do Grupo Fiat no Reino Unido.

Para Toni Ditli, diretor do Fiat Marylebone, «é uma honra sermos os anfitriões do evento que marca dois anos de grande sucesso, não só pelo Fiat 500, mas também porque faz dois anos desde a abertura do nosso concessionário».

A partir de dia 22 e até ao fim de Fevereiro, cada um dos exemplares será exibido, um de cada vez, num espaço da marca em Wigmore Street, na Inglaterra. Por aqui as vendas ainda não decolaram como a fiat queria, até porque o valor de mais de R$60.000,00 impede que ele decole de vez, mas vamos aguardar alguma notícia da Fiat a respeito.

Essa e outras matérias você pode seguir pelo twitter

Kia divulga teaser do Ray híbrido para estréia no Salão de Chicago 2010

janeiro 25, 2010 Deixe um comentário

Teaser do Kia Ray - carro elétrico híbrido da marca que será mostrado no Salão de Chicago 2010

O Salão de Detroit nem bem terminou e já começam as notícias de outros salões, e neste caso é o de Chicago.

A Kia Motors divulgou esta semana , 21 de janeiro, um teaser de seu novo carro-conceito, chamado de Ray.

O protótipo fará sua estreia no Salão de Chicago 2010, que abrirá suas portas para o público entre os dias 12 e 21 de fevereiro. O Ray é um estudo de um veículo elétrico híbrido desenhado pela equipe de designers da montadora na América do Norte.

A Kia tenta marcar presença em território americano e deve abocanhar mais um pouco do mercado que ano após ano vêm sido tirado das montadoras nacionais deles, como GM, Ford e Chrysler.

Essa e outras matérias você pode seguir pelo twitter

Fiat deve criar novo grupo reunindo Alfa Romeo, Maserati e Abarth

janeiro 25, 2010 Deixe um comentário

Em comunicado ousado nesta última sexta feira, a  Fiat vai criar um novo grupo para suas marcas esportivas , que reunirá as marcas Alfa Romeo, Maserati e Abarth, de

Fachada de concessionária Alfa Romeo. Marca poderá ser incorporada a outras italianas

acordo com o «Automotive News Europe».  O novo grupo será liderado por Harald J. Wester, actual CEO da Maserati e Abarth, bem como, responsável técnico do grupo italiano.

O objetivo de juntar a Alfa Romeo, a Maserati e a Abarth sob a mesma liderança é enfatizar o valor das qualidades que as três partilham – referiu Sergio Marchione, CEO da Fiat, em comunicado. «Harald Wester trará a este projecto as suas fortes capacidades técnicas e de liderança» – acrescentou.

Caberá a Wester identificar as potenciais sinergias entre a Maserati e a Alfa Romeo que, nos últimos dez anos, perdeu entre 200 e 400 milhões de euros, de acordo com fontes da citada publicação.

Com isso a Fiat estuda duas opções.

Uma delas seria congelar os investimentos na marca após o lançamento do Giulietta, compacto que substitui o 147 e que será revelado no Salão de Genebra 2010 , em março. Assim, o sedã 166 não seria substituído, deixando a marca com dois modelos compactos (Giuletta e MiTo) como principais novidades. O restante da gama Alfa Romeo – 159, Brera e o cupê GT – permaneceriam em linha por mais alguns meses. Esta alternativa poderia resultar numa morte lenta da marca, já que a tendência é que as vendas cairiam com a falta de lançamentos.

Já a segunda alternativa seria aproveitar as plataformas da Chrysler para desenvolver substitutos para os sedãs 159 e 166. Neste caso, os dois modelos seriam fabricados na América do Norte pela própria Chrysler. Seja como for, o futuro da Alfa Romeo deve ser definido até abril, quando a Fiat deve revelar um novo plano estratégico para os anos de 2010 até 2014.

Vamos esperar para saber mais em breve, aguardem…

Fonte: Auto Hoje

Essa e outras matérias você pode seguir pelo twitter

%d blogueiros gostam disto: