Archive

Archive for novembro \24\UTC 2008

Fotos e Vídeo do Novo Porsche Panemera que chega em 2009

novembro 24, 2008 Deixe um comentário

    panamera2

 

Pronta para se aventurar em um novo segmento, a Porsche revelou hoje o Panamera. O cupê de alto luxo de 4,97 metros de comprimento e 1,93 m de largura começa a ser vendido no primeiro semestre de 2009 primeiramente na Europa. Em seguida, no segundo semestre, parte para o Estados Unidos e Ásia, para no final do ano desembarcar do Brasil. Ainda sem preço definido, o modelo tem status e cavalaria para brigar com supersedãs como Maserati Quattroporte e Mercedes-Benz CLS.

Porsche Panamera

Porsche Panemera

Como todo Porsche, o desenho da carroceria lembra o 911. A traseira caracteriza o veículo como um autêntico cupê, e as lanternas deixam clara sua origem. Aliando conforto e esportividade, o carro une características do esportivo 911 e do utilitário Cayenne. A frente do Panamera se encaixa na nova tendência de design que a marca vem aplicando em seus novos veículos.

 novidade da Porsche será montada na unidade da VW em Leipzig, na Alemanha, em ritmo inicial de 20 mil unidades anuais. No entanto, mais de 70% dos componentes do Panemera serão fabricados na linha de produção da marca em Stuttgart.

Salão do Automóvel de Los Angeles traz Bentley que além de luxuoso é rápido

novembro 24, 2008 Deixe um comentário

Durante o O Salão de Los Angeles que começou no último dia 19 e foi palco da apresentação do Bentley Azure T, versão esportiva do modelo. O destaque está sob o capô: um potente motor 6.7 de oito cilindros, com potência de 507 cv, contra 456 cv no modelo “sem teto”. Segundo a montadora, o desempenho não deixa a desejar para outros esportivos. De 0 a 100 km/h, o Azure T gasta 5,5 segundos e tem velocidade máxima de 288 km/h.

Conversivel Azure T ganhou versão esportiva com motor 6.7 de 456 cv

Conversível Azure T ganhou versão esportiva com motor 6.7 de 456 cv

A novidade traz apenas uma opção de câmbio, automático e de seis velocidades. Porém, ele oferece agora uma tecla Sport, que “estica” mais as marchas. Outra referência na parte mecânica é o controle de estabilidade ESP, que ajusta a suspensão do esportivo de acordo com a sua utilização. Visualmente, o Azure T se destaca pelas rodas de 20” e as duas saídas de escape cromadas. O interior é um show à parte, com revestimento de couro na cor caramelo e um potente sistema de som mais de 1.100 W.

Interior tem revestimento de couro na cor caramelo e sistema de so com 1.000 W

Interior tem revestimento de couro na cor caramelo e sistema de so com 1.000 W

Fonte: Revista Autoesporte

Como surgiram os Muscle Cars

novembro 17, 2008 Deixe um comentário

Pontiac gto-judge-7
Pontiac gto-judge-7

Em meados dos anos 60, os consumidores americanos estavam cansados das “banheiras” repletas de cromados e exigiam individualidade e atitude. Foi nesta década que surgiram dois dos tipos mais fascinantes de automóveis que Detroit já produziu: o pony-car e o muscle-car. Mais tarde os dois tipos iriam se misturar, quando os ponies Mustang, Camaro e Firebird entrariam na corrida em busca de potência, como os muscle-cars — os “carros musculosos”, em alusão à aparência agressiva e grande potência.

pontiac-gto

pontiac-gto

 

John DeLorean adaptou ao Pontiac Tempest um motor de 6,3 litros, o maior existente na
marca: nascia o GTO, precursor dos
muscle-cars. No alto, uma versão Judge de 1970

A história dos muscle-cars começa em 1964. O então engenheiro-chefe da Pontiac, John DeLorean (o mesmo que em 1980 construiria o esportivo de aço inoxidável que levava seu sobrenome; saiba mais), coloca no conservador Pontiac Tempest o maior motor V8 disponível na casa: um 389-pol3 (polegadas cúbicas) ou 6,3 litros, de 325 cv brutos. E batiza a criação com um nome “emprestado” da Ferrari: GTO.

As características desse tipo de carro passavam por um motor de grande cilindrada — V8, claro –, aparência robusta e grande oferta de opcionais, capazes de dar aos seus consumidores a tão desejada individualidade. Um anúncio do Dodge Challenger apregoava: “o carro que você compra quando não quer ser igual aos outros”.

Em 1965 o GTO ganhava faróis verticais e mais potência, para chegar a 96 km/h em apenas 6,6 s. A lista de opcionais era enorme

pontiac-gto-65

pontiac-gto-65

Desde os anos 50 haviam projetos na General Motors para reavivar a imagem esportiva da Pontiac e aumentar seu prestígio. O GTO oferecia uma enorme lista de opcionais, para que o consumidor pudesse “fazer” seu carro. Fazendo as escolhas certas era possível ter um automóvel muito veloz e com ótimo comportamento dinâmico por um preço bastante atraente. Foi um sucesso absoluto.

Dois anos mais tarde, deixava de ser apenas uma versão do Tempest e se tornava um modelo independente. Modificações externas — como novos faróis verticais e lanternas traseiras — e mecânicas eram introduzidas, para dar ao carro mais potência e uma aparência ainda mais agressiva. O motor era o mesmo 389, mas agora gerando de 335 a 360 cv brutos, podendo atingir mais de 200 km/h e fazer de 0 a 60 mph (milhas por hora, equivalentes a 96 km/h) em apenas 6,6 segundos.

pontiac-gto-judge-conv

pontiac-gto-judge-conv

Em 1969 chegava a versão Judge do GTO, em cupê (no alto) e conversível. O motor Ram Air possuía captação de ar sobre o capô, para maior enchimento dos cilindros
Ainda havia a opção de motor Ram Air (captação de ar sobre o capô para melhorar o enchimento do motor) de 400 pol3 (6,5 litros), que também gerava 360 cv brutos, mas a um regime mais elevado. Em 1969 chegava a versão Judge. O sucesso continuava e a moda dos muscle-cars tomava importância.

Com o sucesso do GTO, as outras marcas se apressaram em também oferecer seus “carros musculosos”. A Chrysler começou a adotar motores Hemi, assim chamados por possuírem as câmaras de combustão hemisféricas, em todos os modelos possíveis, produzindo alguns dos mais fantásticos carros da época. Foi da Dodge que saíram, por exemplo, o Charger e o Challenger. O primeiro, conhecido dos brasileiros pois desembarcou por aqui no início dos anos 70 com um motor V8 de 318 pol3 (5,2 litros), teve em 1968 sua versão mais potente e famosa.

 

dodge-charger-rt-69

dodge-charger-rt-69

O Dodge Charger R/T é bem conhecido dos brasileiros, mas nos EUA oferecia um
imenso V8 de 7,2 litros e 440 cv brutos, potência que se evidenciava nos anúncios

O Charger R/T daquele ano utilizava um gigantesco V8 de 7,2 litros e 440 cv brutos, chegava a 250 km/h e fazia de 0 a 60 mph em 4,8 segundos. É claro que, com esses números, economia de combustível não era seu forte — fazia apenas 4,2 km/l –, mas isso não era problema numa época de gasolina farta e barata. O galão (3,785 litros) custava 10 centavos de dólar e os americanos tinham dinheiro como nunca para gastar.

O Charger possuía ainda uma versão batizada de Daytona, variação de rua do Charger criado para disputar as competições da NASCAR (associação que rege as provas de Stock-Car nos EUA) e vencedor da 500 Milhas de Talladega de 1969. Para ser homologado para as pistas o carro tinha de ter determinado número de unidades produzidas em série — neste caso, 505 exemplares. O Daytona utilizava o mesmo 440, mas preparado para gerar 375 cv brutos (nas pistas era usado o 426 Hemi, devido à limitação de cilindrada da NASCAR). Contava ainda com modificações externas para tornar o carro mais aerodinâmico: frente alongada e afunilada e enorme aerofólio traseiro. Este modelo, 20% mais aerodinâmico que os Chargers anteriores, é hoje uma raridade.

   
dodge-challenger-70-conv

dodge-challenger-70-conv

O Challenger surgira como um pony-car, para concorrer com o Mustang, mas em 1970 ganhava porte e desempenho com o mesmo motor de 7,2 litros do Charger

O Challenger, por sua vez, havia sido lançado para competir com os pony-cars Mustang e Camaro, mas já em 1970 ganhava porte e potência, utilizando o mesmo motor 7,2-litros do irmão maior — o que lhe conferia desempenho extraordinário, por ser menor e mais leve que o Charger. Disponível nas versões cupê e conversível, era oferecido apenas com câmbio automático de três marchas. O Challenger teve em 1970 seu melhor ano em vendas. Tanto o Charger quanto o Challenger se tornaram bastante populares, figurando em filmes e seriados de TV, como Bullit, Corrida Contra o Destino e o seriado Os Gatões.

Fonte:  Texto: Rodrigo Fonseca – Edição: Fabrício Samahá – Fotos: divulgação

Karmann Ghia – dos anos 60 a mais de 120 Km/h

novembro 17, 2008 Deixe um comentário
Karman Ghia

Karman Ghia

Montado de modo artesanal sobre o chassi Volkswagen, ele foi o terceiro modelo da fábrica feito no Brasil

Por Sérgio Berezovsky
Fotos: Marcelo Spatafora

No início dos anos 60, chassis de Fusca saíam rodando da fábrica da Volkswagen, na Via Anchieta. Alimentados por latas de gasolina, que faziam as vezes de tanque, seguiam em direção à sede da Karmann Ghia, distante alguns quilômetros. Lá era assentada a carroceria, num processo totalmente manual, em que cada KG ganhava de 10 a 14 quilos de estanho durante a montagem. Graças a esse peso extra, ele não tinha “emendas” aparentes. Depois de pronto, cabia à rede de concessionários da VW a comercialização e a assistência técnica. Aqui ele era uma excitante novidade. Mas lá fora já rodava havia tempo.

No dia 14 de julho de 1955 o Karmann Ghia foi apresentado à imprensa. Nasceu da união do fabricante de carrocerias alemão Wilhelm Karmann com o italiano Luigi Segre – designer do estúdio Ghia –, que recebeu uma participação em cada unidade vendida. A idéia era fabricar um carro com linhas esportivas para bolsos menos abonados. Logo no início da produção, 50% dos carros eram exportados para outros países europeus, além de Estados Unidos e Canadá.

O aspecto esportivo era realçado por suas proporções e pelo perfil aerodinâmico. Baixinho mas esbelto, ele tinha 1,33 metro de altura e 4,14 metros de comprimento, com peso de 820 quilos.

Esportivo de fato ele nunca pretendeu ser. Faltava-lhe aquilo que distingue os bravos, o coração. Não seria com o honesto, porém raquítico1200, de 36 cavalos, refrigerado a ar que o KG ia conseguir impressionar alguém. No cronômetro, ele não ia além dos 118 km/h de máxima. E a aceleração era de fazer adormecer criança levada: mais de 30 segundos para ir de 0 a 100 km/h. Foi assim até 1967, quando passou a dividir com a Kombi o motor 1500 e ganhou 16 cavalos. Longe de virar um foguete, pelo menos já não dava vexame: chegava aos 135 km/h e baixou mais de 4 segundos no 0 a 100 km/h. A linha cresceu com a chegada do conversível, no começo de 1968, do qual só foram produzidos 177 exemplares.

Com uma cabine projetada para dois, o Karmann Ghia foi homologado para levar cinco passageiros (!). Na realidade, o banco de trás podia, quando muito, acomodar duas crianças, na época em que a ignorância a respeito de segurança dispensava o uso de cadeirinhas. Mas o encosto esconde um artifício que deve ter ajudado casais na hora de viajar com bagagem: é possível rebatê-lo e acomodar volumes entre o banco e o compartimento do motor.

O KG amarelo – margarida (é o nome oficial da cor) com teto preto marca no hodômetro 31000 quilômetros. O estepe ainda tem o selo original na banda de rodagem. Ao dar a partida, o som desperta o sentimento de algo familiar. É a batida saudável de um 1200, em estado de novo, uma suavidade que os 1300 e 1500 não têm – esses produzem um som mais áspero. Só os 1600 têm uma sonoridade igualmente harmônica. No interior, os bancos são revestidos com tecido entremeado de fios metálicos. O painel tem os instrumentos básicos. Como diferenciais, a parte superior, que era revestida de courvin, e um relógio, o único “luxo”. Conta – giros? Ora!

Apesar da pouca potência, na cidade o motor 1200 dá conta do recado, graças a sua elasticidade. Também não pede trocas freqüentes de marcha, como seria de esperar. Relativamente silenciosa, a suspensão por barras de torção não apresenta ruídos e tem uma resistência que dispensa comentários. O bom diâmetro de giro e o grande volante facilitam as manobras. O câmbio mostra a precisão dos antigos VW e em poucos minutos ganha-se intimidade com o carrinho, mesmo com a boa diferença de altura em relação aos outros carros.

Até 1972, último ano de sua fabricação, foram produzidos 23400 carros na versão original cupê. Em 1970, ganhou o motor 1600 e um irmão, o modelo TC, equipado com dois carburadores. Suas linhas lembram – ainda que vagamente – o Porsche 911.

Karmann Ghia

Karmann Ghia

 

De esportivo mesmo, ele só tem a aparência: não passa dos 120 km/h. Mas é gostoso de dirigir.

O painel tem instrumentos básicos e, como luxo, apenas um relógio. Conta – giros que é bom… Apesar de homologado para cinco pessoas, o banco traseiro podia, quando muito, acomodar duas crianças. Ainda assim, somente na época em que as normas de segurança dispensavam cadeirinhas. Os pneus faixa branca e a pintura “saia-e-blusa” são típicos dos anos 60

 

Fonte:Quatro Rodas
http://quatrorodas.abril.uol.com.br/reportagens/0203karmannghia.html

Calendário de Encontro de Autos Antigos

novembro 17, 2008 4 comentários

Encontro Mensal na SttudioCar
Periodicidade: Todo primeiro domingo do mês
Local: SttudioCar – Praça Lions, 200 – Bairro Chafariz – Itú – SP
Informações: sttudiocar@sttudiocar.com.br

Dkw Clube do RS e Antigos
Periodicidade: Todo o segundo Domingo de cada mês das 8:00 as 14:00hs
Local: Rua Jeronimo Zelmanoritz – Zona Norte – Porto Alegre – RS
Realização: Auto Útil e Hots Dkw Club do RS e Antigos
Informações: www.autoutil.com.br (51)3029-0117

Encontro do Autos Antigos da Serra
Periodicidade: Todo domingo pela manhã a partir das 10:00h
Local: Trevo principal de acesso a cidade – São Bento do Sul – SC
Realização: Autos Antigos da Serra
Informações: fendrichsbs@yahoo.com.br

Encontro Mensal de Carros Antigos no Shopping Interlagos
Periodicidade: Todo terceiro domingo de cada mês
Local: Shopping Interlagos – São Paulo-SP
Realização: Antigos Auto Clube de São Paulo
Informações: Russo – (11)5612-6393

Encontro dos Antigomobilistas de Presidente Prudente e região
Periodicidade: Todas 2ª sextas-feiras do mês
Local: Parque do povo altura da Tv fronteira
Realização: Clube dos Antigomobilistas de Pres. Prudente e região
Informações: jgmol1000@yahoo.com.br – Tel: (18)9701-6200

Encontro Mensal de Carros e Pick-ups Antigas – Rio Negro – PR
Periodicidade: Todo o 3º domingo, a partir das 08:00 hs
Local: Praça João Pessoa – Rio Negro – PR
Realização: Antigomobilistas de Rio Negro-PR e Mafra-SC
Informações: E-mail: joaoalfredoferreira@yahoo.com.br ou Tel: (47)641-4053

Encontro Semanal do Puma Club do Brasil
Periodicidade: Todos os domingos das 9:00 às 13:00hs
Local: Praça do Atletico – Curitiba – PR
Realização: Puma Club do Brasil
Informações: pumaclubsergio@yahoo.com.br

Encontro Roadsters
Periodicidade: Toda quinta feira das 20:00 às 23:00hs
Local: Estacionamento do Tribunal de Contas, Praça Nossa Senhora de Salete S/N – Centro Cívico
Realização: Clube Curitiba Roadsters
Informações: www.curitibaroadsters.com.br

ECAPP Encontro de Carros Antigos Pilar Park
Periodicidade: Todo último domingo de cada mês com início 31/07/05 das 8:00hs as 18:00hs
Local: Estrada do Sapopemba 1300 – Ribeirão Pires – SP
Realização: Piratta da Moóca – Tel: (11) 6345-9926 / 6341-7135
Informações: ailtoneventos@ailtoneventos.com.br ou pelos sites: www.anv.com.br – www.ecapp.com.br 

Reunião do Opala Clube de Jaraguá do Sul – SC
Periodicidade: A cada 14 dias a partir das 18:30h
Local: Praça Ângelo Piazera – Jaraguá do Sul – SC
Realização: Opala Clube de Jaraguá do Sul
Informações: opalaclubedejaraguadosul@uol.com.br ou www.opalaclube.com/jaraguadosul

Encontro Semanal em Sorocaba – SP
Encontro de Veículos Antigos, Hots, Clássicos e Motos Antigas
Periodicidade: Todas as quintas-feiras das 19:00 às 22:00hs
Local: Esplanada Shopping – Av. Izoraida Marques Peres, 401 – Campolim – Sorocaba-SP
Realização: Esplanada Shopping
Informações: jose.galli@gmail.com

Puma Club do Brasi / RJ
Periodicidade: 1º Sábado de cada mês
Local: Quiosque atrás do Aeroporto Santos Dumont no Rio de Janeiro-RJ
Realização: Puma Clube do Brasil – Rio de Janeiro
Informações: Gutenberg – E-mail: hightime@infolink.com.br ou  Tel: (21)2445-6410 / 9985-7152

Só V8’S
Periodicidade: Às sextas – 20:30 hs
Local: Esq. da rua Ité com Joaquina Ramalho (alça de acesso à Marg. Tietê sentido castello) Posto ALE – Ponte Vila Guilherme – São Paulo – SP
Realização: Turma do V8 de São Paulo
Informações: mauricio.bagalho@ig.com.br ou Tel: (11)9747.2550

Encontro de Carros Antigos da Pampulha
Periodicidade: Todo 2º domingo do mês
Local: Av. Otacilio Negrão de Lima esq. Santa Rosa
Realização: Proprietários de Carros Antigos HotRods e Originais
Informações: chevy58@zipmail.com.br ou Tel: (31)3441-3198

Encontro de Dodge
Periodicidade: todos os domingos
Local: Av. Higienopólis nº 1600
Realização: Dodge Clube de Londrina – PR
Informações: londridodgers@frizzmail.com.br ou Tel: 9941 3713

Encontro de Veículos Antigos em Guarulhos

Periodicidade: todo 3º domingo de cada mês
Local: Praça Cícero Miranda (Lago dos Patos) – Vila Galvão
Realização: Trancas Old Car´s Club Guarulhos – SP
Informações: trancasclub@ig.com.br ou Tel: (11) 9975 0066
Observação: Local com ótima infra-estrutura os para toda família, como sanitários, quiosques, área de lazer, museu, pedalinhos, etc…

Encontro de Veículos Antigos de Itaipu
Periodicidade: todas as terças às 20:00 horas
Local: Posto ESSO Jardim Ubá- Itaipu -Niterói
Realização: Veículos Antigos de Itaipu
Informações: veiculosantigos@bol.com.br
Observação: Veículos a partir de 25 anos

Encontro Amigos do Hot de SP
Periodicidade: Primeira quarta-feira do mês
Local: Churrascaria Baby Beef Morumby do Hipermercado Extra – Marginal
Informações pelo fone: (11)9972-9409 (c/ Dimitrius) ou pelo e-mail:
dhimis@aol.com

Obs.: Só poderão participar hot e streets ate 1950, com tolerância ate
1960, desde que sejam caracterizados como tal. O restaurante colocou o
piano-bar a disposição e uma farta mesa de salgados. Não ha qualquer
cobrança de taxas.

Encontro Mensal de Novo Hamburgo

Periódico: Todo segundo sábado do mês,das 14:00 às 17:30h, na Rua Júlio de Castilhos (junto à Pça da Bandeira, em frente à antiga Prefeitura Municipal), Novo Hamburgo/SC

Notivagos POÁ (Antigomobilistas Noturnos de Porto Alegre)
Periódico: Toda primeira segunda-feira do mês, 21:30, no Ecoposto (Ipiranga, esq. Érico Veríssimo), Porto Alegre-RS
Esporádico: 14/04/03 – Carreata. Ponto de partida Posto BR da Nilo (antiga General Store). Destino Ecoposto (Ipiranga esq. Érico Veríssimo), via Nilo, Protasio, Goethe, 24 Outubro, Fernando Gomes, Goethe, Ipiranga. às 21h (encontro), saída 21:15h.

Encontro de carros antigos Marumby Expo Center
Encontro de veículos antigos as terças a noite e aos domingos pela manhã e desde agosto de 2002
Local: Praça do atlético
Realização: Puma Clube do Brasil

Tudo em Cena e Clássicos Automotivos
Todos os domingos você tem um bom motivo para tirar sua raridade da garagem e curtir um almoço com pessoas que também gostam de resgatar boas épocas do passado. De ilustres amigos amantes e proprietários de Antigomobilismo (veículos antigos) a tudo em cena com a revista Clássicos Automotivos estará promovendo reuniões do público ligado ao Antigomobilismo.
Local: TL-70 Stúdio Bar – Rua Quatá, 1032 – Vila Olímpia – São Paulo-SP
Horário: A partir das 14:00 horas, todo domingo

Encontro Mensal da Rua do Porto
Todo terceiro domingo do mês
Local: Rua do porto – Praça dos Artistas – Piracicaba
Realização: CVAP – Clube de Veículos Antigos de Piracicaba
Informações pelos fones:(19)3402-8210/9788-8914
E-mail: sino@merconet.com.br

Interlagos Motor Show
O maior encontro de Jipes, motos e carros antigos, além de muito Classic Rock ao vivo! A partir de 14 de Janeiro de 2003, toda Terça Feira das 18:00h as 0:00h
Local: Autódromo Interlagos José Carlos Pace – Av. Teotônio Vilela, 261 – Portão 7 (Box)
Cidade: São Paulo – SP
Promoção: Kiss FM 102,1  
Informações pelo site: www.kissfm.com.br

Encontro da Estação Júlio Prestes
Local: Em frente a Estação Júlio Prestes – São Paulo – SP
Realizado 1º domingo de cada mês.
Organização: Federação Paulista de Automóveis Antigos

Exposição de Carros Antigos de São Bernardo do Campo
O evento acontece toda quinta-feira a partir das 19hs, no Paço Municipal, a entrada é franca. São Bernardo do Campo – SP.

Encontro em São Bernardo do Campo
Todo 2º Domingo de cada mês – São Bernardo do Campo – SP
Local: Estacionamento do Paço Municipal de SBC
Horário: das 09:00 as 15:00h

Encontro de hot rods, rat rods, street rods, mascle car – São Bernardo do Campo – SP
Realizado todo quarto domingo do mês das 8:00 as 13:00 horas
– Gratuito
Av Kenedy 1155 – Bairro Anchieta
Associação Hot Rod Brasil
paulo@hotrodbrasil.com.br
011 6832 1657
www.hotrodbrasil.com.br

Encontro Mensal de Campinas
Freqüência: Ultimo domingo de cada mês
Local: Estacionamento do Galleria Shopping Center, Rod.Dom Pedro I – Km 132 – Campinas
Informações: info@v8ecia.com.br / http://www.v8ecia.com.br
Contamos com sua presença.

Encontro Mensal em Sorocaba – SP
Encontro de Veículos Antigos, Hots, Clássicos e Motos Antigas
Freqüência: Todo 4º domingo de cada mês
Local: Bolsão do Campolim
Horário: das 08:00 às 13:00h
Apoio: Cardoso Veículos
Informações: (15)231-5191 (c/Leandro) ou (15)231-4495 (c/Júnior)

Auto Show Veículos Antigos e Especiais
Freqüência: Todas as terças, a partir das 19 horas
Local: Sambódromo do Anhembi – São Paulo – SP
Visite também o site com fotos de todos os eventos ocorridos até hoje www.autoshow.com.br

Encontro de Carros Antigos
Local: Rua Antonio de Barros, 400 – Taubaté – São Paulo-SP
Freqüência: Todo o 3º domingo de cada mês
Organização: Clube da Bel Air
Horário: das 09:00 às 15:30h
Informações: E-mail: belaircarros@uol.com.br – Tel: 6967-6744

Encontro de Carros Antigos
Local: Posto Escolar BR que fica no Bairro STIEP – Salvador-BA
Freqüência: Todas terças-feiras
Organização: Antigomobilistas da Bahia
Horário: a partir das 19:00
Informações: E-mail: antigomobilistasdabahia@bol.com.br

Encontro Semanal de Opalas
Local: Praça do Atlético Paranaense – Curitiba – PR
Freqüência: todo domingo
Organização: Opala Club de Curitiba
Horário: de manhã
Informações: E-mail: marcus.araujo@brturbo.com.br – Tel: (41) 332 2603

Encontro Mensal de Carros Antigos de Poços de Caldas – MG
Local : parque José Afonso Junqueira, em frente ao Palace hotel
Freqüência: todo primeiro domingo do mês
Horário: a partir das 9 horas da manhã
Tel:. 37129500 / Cel. 99772675
Realização: Clube do Automóvel Antigo de Poços de Caldas
E-mail: kimch@bol.com.br
Presidente: Carlos Henrique Ferreira

Fonte: HOT PA – \O portal do carro antigo

4º Encontro de Carros Antigos de Itambaracá – PR

novembro 17, 2008 3 comentários
4º Encontro de Carros Antigos de Itambaracá - PR

4º Encontro de Carros Antigos de Itambaracá - PR

Prêmio Carro do ano 2009

novembro 14, 2008 1 comentário

A Revista AUTOesporte promoveu no dia 11 de Novembro a escolha dos carros do ano 2009.

Os vencedores foram escolhidos por um júri formado por 38 jornalistas de diversos veículos de todo o país. Na categoria Carro do Ano e Utilitário Esportivo do Ano, foram 38 votantes. Já em Carro Premium do Ano, 19 jornalistas votaram. O prêmio de Utilitário Esportivo Premium contou com 17 jurados e as premiações de motores, com 11.

Carro do ano 2009

Carro do ano 2009

Confira abaixo a pontuação que cada um dos concorrentes recebeu no resultado final.

    Carro do Ano (pontuação máxima possível: 380)

  1. VW Novo Gol – 245 pontos
  2. Fiat Linea – 244 pontos
  3. Ford Novo Focus Sedan – 214 pontos
  4. Toyota Novo Corolla – 135 pontos
  5. Renault Sandero – 107 pontos

   Carro Premium (pontuação máxima possível: 190)

  1. Audi A4 – 157 pontos
  2. Honda Accord – 107 pontos
  3. Porsche 911 – 80 pontos
  4. BMW M3 – 77 pontos
  5. Jaguar XF – 46 pontos

  Utilitário do Ano (pontuação máxima possível: 380)

  1. Chevrolet Captiva – 310 pontos
  2. Ford Edge – 191 pontos
  3. Dodge Journey – 167 pontos
  4. Honda CR-V – 154 pontos
  5. Fiat Strada – 128 pontos

Utilitário Premium (pontuação máxima possível: 170)

  1. BMW X6 – 129 pontos
  2. Porsche Cayenne – 107 pontos
  3. Hyundai VeraCruz – 88 pontos
  4. Subaru Tribeca – 82 pontos

  Motor do Ano até 2.0 (pontuação máxima possível: 110)

  1. Audi / VW 2.0 TSFI – 83 pontos
  2. Fiat 1.4 T- JET – 76 pontos
  3. Chevrolet 1.4 Econo.Flex – 47 pontos
  4. Honda 2.0 16V i-VTEC – 40 pontos
  5. Toyota 1.8 16V WT-i – 29 pontos

  Motor do Ano acima de 2.0 (pontuação máxima possível: 110)

  1. Audi / VW 3.2 V6 TFSI – 71 pontos
  2. Honda 3.5 V6 VCM – 56 pontos
  3. Porsche 3.6 DFI – 54 pontos
  4. BMW 4.0 V8 – 48 pontos
  5. Mercedes 6.2 V8 – 46 pontos

Fonte: Revista AUTOesporte – Alberto Cataldi

Categorias:Eventos
%d blogueiros gostam disto: